• Em Portugal, ministro do STF diz que prisão de Lula é 'ilegal e viola a Constituição'

    Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Por Alexandre Galvão

    24/06/2018 - 07:00

    A declaração foi dada para a emissora portuguesa RTP

    O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, classificou a prisão do ex-presidente Lula (PT) como "ilegal" e afirmou que ela representa violação da Constituição. A declaração foi dada para a emissora portuguesa RTP.  "Sem dúvida alguma [viola]. E processo, para mim, não tem capa. Processo, para mim, tem unicamente conteúdo. Eu não concebo, tendo em conta a minha formação jurídica, tendo em conta a minha experiência judicante, eu não concebo essa espécie de execução", disse. O ex-presidente está preso desde abril no Paraná, em Curitiba, após ser condenado no caso do triplex do Guarujá, em São Paulo. Na última semana, a defesa deu entrada em um novo pedido de liberdade, que foi arquivado no Supremo.