BUSCA PELA CATEGORIA "CASO DE POLICIA"

  • Bahia: Funcionários são feitos de reféns durante assalto à fazenda

    Foto: Reprodução | Redes Sociais Foto: Reprodução | Redes Sociais
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    19/10/2021 - 08:00


    CASO DE POLICIA

    - Um grupo armado assaltou uma fazenda na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, e durante o crime fez seis funcionários de reféns. O fato aconteceu na tarde de domingo (17), numa localidade conhecida como Estrada do Café. Segundo informações do site G1, 120 toneladas de milho foram roubadas, mas ninguém ficou ferido. Ainda segundo o G1, o grupo amarrou os reféns em um cômodo da fazenda, mas por volta da meia noite, parte deles foram obrigados a ajudarem os bandidos a carregarem o caminhão que foi usado para transportar a mercadoria roubada. A Polícia ainda não tem pistas sobre os assaltantes. 

  • Menino de 11 anos que era mantido pelo pai em cárcere privado é resgatado no interior da Bahia

    Foto: Divulgação | SSP/BA Foto: Divulgação | SSP/BA
    Por Juliana Rodrigues

    26/09/2021 - 15:30


    Durante ocorrência, na cidade de Inhambupe, homem conseguiu fugir com a aproximação da viatura

    CASO DE POLICIA

    - Um menino de 11 anos foi resgatado no sábado (25) logo após guarnições da 4ª CIA do 4° Batalhão da PM (BPM/Alagoinhas) serem informadas de que ela era mantida em cárcere privado pelo pai. O caso aconteceu no município de Inhambupe. Segundo o comandante do 4° BPM, major Antônio Roque Ávila, a vítima foi encontrada com marcas de violência no corpo. "O garoto falou que o pai amarrava ele para que não pudesse sair", disse o oficial. Na residência, as guarnições encontraram quatro botijões de gás, um revólver calibre 32 e uma espingarda de fabricação artesanal. Informações iniciais dão conta de que o agressor comercializava gás de cozinha, de forma ilegal.

  • Região: Homem pede para se confessar e leva dinheiro de cestas básicas em igreja

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    Por Juliana Rodrigues

    15/09/2021 - 07:43


    O caso aconteceu na ultima quinta-feira (9)

    CASO DE POLICIA

    Um homem se passou por fiel para roubar uma igreja, na cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. O caso aconteceu na quinta-feira (9), na Paróquia de Guadalupe, no bairro Urbis 6, mas foi divulgado nesta semana. De acordo com informações do G1, o suspeito entrou na paróquia dizendo que queria se confessar, enganou o padre e levou uma quantia de R$ 800 que seria usada para compra de cestas básicas para comunidades carentes. Ao G1, o padre Valmir Neves revelou que o criminoso se apresentou como um traficante que estaria jurado de morte e precisava de ajuda para sair da cidade.

  • SSP adiciona mais quatro criminosos em lista de mais procurados da Bahia

    Foto: Divulgação | SSP-BA Foto: Divulgação | SSP-BA
    Por André Uzêda

    04/08/2021 - 09:00


    CASO DE POLICIA

    - Quatro criminosos foram adicionados, nesta terça-feira (3), na lista dos mais procurados da Bahia, conhecida como o Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública (SSP). Os foragidos atuam em Salvador, Região Metropolitana de Saúde (RMS) e na cidade de Itaberaba, no interior do estado. Os homens inseridos são Edson Silva de Santana, apelidado de 'Jegue'; Cleber Santos da Silva, conhecido como 'Keu'; Eric Santana Mota, o ‘Topa’; e Roque dos Santos Souza, 'Baianão'. Eles representam, respectivamente,  os Rei e Damas de 'Copas' e os três e cinco de 'Ouros'. Cleber fez parte da lista em abril de 2017, na carta 'Dois de Paus' e foi preso um ano depois, quando foi retirado. Em julho de 2020, ele foi solto, mas teve mandado de prisão expedido novamente pela Justiça por tráfico de drogas.

  • Bahia: Idoso de 62 anos é preso suspeito de estuprar quatro netas da ex-companheira

    Foto: Alan Oliveira | G1 Foto: Alan Oliveira | G1
    Por Juliana Rodrigues

    02/08/2021 - 11:53


    Crimes foram cometidos ano passado, contra garotas com idade entre nove e 15 anos.

    CASO DE POLICIA

    - Um idoso de 62 anos foi preso na zona rural na cidade de Fátima, cidade a cerca de 330 km de Salvador, suspeito de estuprar quatro netas da ex-companheira. A prisão ocorreu na quinta-feira (29). Os crimes aconteceram no ano passado, e as vítimas tinham idade entre nove e 15 anos. De acordo com informações da Polícia Civil, agentes da Delegacia Territorial de Euclides da Cunha cumpriram a ordem de prisão e localizaram o suspeito no povoado de Lagoa Dourada. Ainda segundo a polícia, o homem passou por exames de lesões e foi encaminhado ao sistema prisional. As informações são do G1/Bahia.

  • Sétimo cigano supostamente envolvido em homicídio de PMs morre em confronto com policiais em Anagé

    Foto: Divulgação | SSP-BA Foto: Divulgação | SSP-BA
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    30/07/2021 - 14:00


    CASO DE POLICIA

    - Na manhã desta sexta-feira (30), um homem identificado como Lindomar Silva, de 32 anos, de origem cigana, morreu durante tiroteio com a polícia, na cidade de Anagé, no sudoeste baiano. Foi o sétimo cigano morto dos 11, por suspeição de participação na morte dos policiais Luciano Libarino Neves, de 34 anos, e o soldado da Polícia Militar Robson Brito de Matos, de 30, ocorridas no último dia 13, no distrito de José Gonçalves, na cidade de Vitória da Conquista. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), Lindomar estava armado e tentou adentrar em residências em Lagoa Grande, na cidade de Anagé, momento em que foi cercado por agentes da da 79ª Companhia Independente Polícia Militar (CIPM). Ainda segundo a SSP-BA, Lindomar teria resistido à prisão e disparou contra os militares, que tiveram que revidar.  Um suspeito pelo homicídio dos policiais está preso e os outros dois ainda estão foragidos. 

  • Vitória da Conquista: Cúpula da SSP vai ao município acompanhar investigações sobre mortes de PMs

    Foto: Divulgação | SSP/BA Foto: Divulgação | SSP/BA
    19/07/2021 - 12:30


    CASO DE POLICIA

    - O secretário da SSP, Ricardo Mandarino, a delegada-geral, Heloísa Campos Brito e o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo Coutinho aterrissaram em Vitória da Conquista nesta segunda-feira para acompanhar as investigações sobre as mortes do tenente Luciano Libarino Neves e do soldado Robson Brito de Matos. As polícias Civil e Militar procuram seis pessoas envolvidas de forma direta e indireta nos crimes. Além dos seis foragidos, outros três integrantes da organização criminosa morreram em confrontos, nas cidades de Vitória da Conquista e de Itiruçu, e um deles acabou preso em flagrante durante a ação do duplo homicídio. O homem terminou ferido no braço e, após atendimento, foi autuado. “Estou aqui para prestar toda a minha solidariedade à Polícia Militar, atingida de forma brutal por conta desse ataque covarde. Parabenizo a PM e a Polícia Civil pelo empenho na identificação e localização dos autores”, declarou o secretário Ricardo Mandarino.

  • Polícia prende acusados de dar suporte logístico a ataques a bancos na Bahia; Operação acontece em Caetité e outras seis cidades

    Foto: Divulgação | Polícia Civil Foto: Divulgação | Polícia Civil
    Por Juliana Rodrigues

    08/07/2021 - 08:00


    Suspeitos foram detidos durante a terceira fase da Operação Aerarium, da Polícia Civil

    CASO DE POLICIA

    - Dois homens responsáveis pela logística de ataques a instituições financeiras na Bahia foram presos na manhã desta quinta-feira (8), após a deflagração da terceira fase da Operação Aerarium, realizada pelo Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco) da Polícia Civil. A operação acontece nos municípios de Simões Filho, Rafael Jambeiro, Itatim, Santo Estevão, Feira de Santana, Caetité e Itaberaba. "São prisões muito importantes para esclarecer a individualização da atuação de cada membro da organização criminosa. Buscaremos a identificação de todos os responsáveis por esses crimes, onde quer que estejam", explicou o diretor do Draco, delegado José Bezerra. Com um dos presos, um dos alvos mais procurados, foram localizados drogas e dinheiro parcialmente destruídos. "Possivelmente, as cédulas são frutos dos ataques a banco. Vamos levar as notas para perícia. Ele oferecia o suporte logístico para viabilizar as ações criminosas e será autuado em flagrante. As diligências em relação a ele ainda estão em curso", esclareceu Bezerra. Os mandados de prisão e de busca e apreensão são cumpridos na Região Metropolitana de Salvador e no interior do estado. Participam também equipes do Departamento de Polícia do Interior (Depin) e a Coordenação de Operações Especiais (COE).

  • Operação prende chefe de grupo criminoso e afasta cúmplice de cargo de servidora pública

    Foto: Divulgação | PRF Foto: Divulgação | PRF
    Por Adele Robichez

    07/07/2021 - 13:30


    Quadrilha é investigada por furtos, roubos e clonagens de veículos na Bahia

    CASO DE POLICIA

    - Uma operação conjunta entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Ministério Público da Bahia (MP-Ba), que apura um grupo responsável por furtos, roubos e clonagens de veículos, prendeu o chefe da quadrilha, que mantinha uma relação próxima e duradoura, segundo a PRF, com uma servidora pública do da Bahia. Além do mandado de prisão preventiva, foram cumpridos outros de busca e apreensão em casas e propriedades dos investigados. Também foi deferido o afastamento, pelo período de um ano, da servidora pública do cargo que ocupava, assim como a proibição do acesso às dependências e aos sistemas da instituição onde desempenhava as suas funções e comunicação com outros agentes públicos. A operação ainda está em andamento e já foram apreendidos armas de fogo, veículos adulterados, documentos, placas , módulos de veículos, diversos materiais para fraudar e adulterar veículos e documentos, além de aparelhos conhecidos por Jammers, utilizados para bloquear sinal de GPS, celular e rastreamento de veículos.

  • PF apreende pacote com 1,3 kg de cocaína enviado pelos correios em Feira de Santana

    Foto: Divulgação | Polícia Militar Foto: Divulgação | Polícia Militar
    Por Juliana Rodrigues

    01/07/2021 - 09:15


    Homens que foram à agência retirar encomenda foram presos em flagrante

    CASO DE POLICIA

    - As polícias Federal e Militar da Bahia apreenderam, na tarde desta quinta-feira (30), um pacote com 1,3 kg de cocaína. A droga chegou pelos correios, em Feira de Santana, e homens que foram retirar encomenda foram presos em flagrante. Os policiais foram acionados após a suspeita de que o pacote continha algum material ilícito. Ao conferir o pacote as PM e PF constataram que se tratava de cocaína. Os dois homens que se dirigiram à agência para retirar a encomenda foram presos em flagrante e encaminhados à delegacia da PF na cidade. Ambos foram autuados por tráfico de drogas.

  • Lázaro Barbosa morreu durante ação captura, diz coronel

    Foto: Reprodução  Foto: Reprodução
    Por André Uzêda

    28/06/2021 - 09:59


    Jornalista Roberto Cabrini confirmou a informação com o coronel responsável pela operação

    CASO DE POLICIA

    - O criminoso Lázaro Barbosa teria sido baleado e morto durante a ação dos policiais que o capturaram nesta segunda-feira (28). O governador Ronaldo Caiado (DEM), no entanto, foi taxativo na confirmação que o criminoso foi preso: "Acabei de receber a informação que Lázaro foi preso". O jornalista Roberto Cabrini, da TV Record, disse ao vivo que confirmou a informação com o coronel da polícia e que Lázaro morreu. "Ele não resistiu aos ferimentos e morreu". Lázaro é suspeito de matar uma família (pai, mãe e dois filhos) em Goiás. Desde então, a polícia empreendeu uma enorme caçada, usando helicópteros, drones e cães farejadores. Lázaro é natural da cidade de Barra do Mendes, no centro-norte da Bahia. Lá, ele também cometeu crimes e foi preso pela polícia após longa fuga de 15 dias.

  • Lázaro é preso após ser baleado em Goiás

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por André Uzêda

    28/06/2021 - 09:30


    Criminoso é suspeito de matar uma família (pai, mãe e dois filhos) em Goiás

    CASO DE POLICIA

    - O criminoso Lázaro Barbosa foi preso no estado de Goiás, após 20 dias de busca pelo seu paradeiro. A informação foi confirmada pelo governado do estado, Ronaldo Caiado (DEM), em vídeo publicado nas redes sociais. No texto de apresentação do vídeo, Caiado disse que "Goiás não é Disneylândia de bandido". E ainda parabenizou a polícia. "Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente!". Lázaro é suspeito de matar uma família (pai, mãe e dois filhos) em Goiás. Desde então, a polícia empreendeu uma enorme caçada, usando helicópteros, drones e cães farejadores. Lázaro é natural da cidade de Barra do Mendes, no centro-norte da Bahia. Lá, ele também cometeu crimes e foi preso pela polícia após longa fuga de 15 dias.

  • Bahia: Vigilante de banco é preso suspeito de furtar R$ 13 mil de caixa eletrônico

    Foto: Reprodução | TV Sudoeste Foto: Reprodução | TV Sudoeste
    Por Juliana Rodrigues

    23/06/2021 - 13:20


    De acordo com a polícia, ele conseguiu a chave do caixa eletrônico e teve acesso a senha de um funcionário da agência

    CASO DE POLICIA

    - O vigilante de uma agência bancária de Juazeiro, no norte da Bahia, foi preso na terça-feira (22), suspeito de furtar R$ 13 mil de um caixa eletrônico da unidade. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), o homem, que confessou o crime, conseguiu a chave do caixa eletrônico e teve acesso a senha de um funcionário da agência. Desta forma, conseguiu ter acesso ao interior do equipamento e furtou o dinheiro. Após crime, as investigações começaram e foi expedido mandado de busca e apreensão para a casa do suspeito. No local, foram recuperados R$ 6,3 mil. “Ele furtou o total de R$ 13 mil, mas só recuperamos R$ 6.300. O homem confessou o crime em interrogatório”, explicou o titular da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), delegado Reginaldo César Cabral de Lima. Ainda segundo o delegado, eles estão investigando como o suspeito obteve a senha do funcionário da agência. “Imagens de câmeras de segurança do local serão analisadas”, falou. O material apreendido foi encaminhado para a sede da DRFR, em Juazeiro, e os policiais seguem investigando onde se encontra o restante do dinheiro.

  • Para ex-patrão, Lázaro só será pego se quiser se entregar: ‘é ágil, astuto e conhece a mata’

    Foto: Divulgação | SSP/GO Foto: Divulgação | SSP/GO
    Por Juliana Rodrigues

    22/06/2021 - 20:00


    Buscas pelo fugitivo já duram 14 dias. Mais de 270 policiais tentam cumprir a prisão

    CASO DE POLICIA

    - O advogado Wesley Lacerda é dono de uma fazenda em Cocalzinho de Goiás e lembrou do período em que o fugitivo Lázaro Barbosa Sousa, 32 anos, prestou serviço no local por quatro vezes em 2018. Para o fazendeiro, o homem que está mobilizando 270 policiais em um trabalho de busca há 14 dias só será pego, caso se entregue. “Ele é ágil, astuto e conhece a mata. A minha impressão é que ele só será pego quando quiser ou se desistir”, disse Wesley ao G1 de Goiás. A mãe de Lázaro, Eva Maria de Souza, e o companheiro dela trabalharam como caseiros na fazenda de 2017 até 2020, quando decidiram voltar para a Bahia. O local fica próximo a Girassol, distrito de Cocalzinho de Goiás, e também fica em parte de Águas Lindas de Goiás. No começo deste ano, Wesley conta que a mãe de Lázaro decidiu retornar a Goiás e pediu para voltar a trabalhar no local, há cerca de quatro meses, mas acabou pedindo demissão novamente após Lázaro começar a ser procurado pela polícia por suspeita de matar uma família em Ceilândia. Buscas - O trabalho de buscas nas matas de Cocalzinho de Goiás entraram no 14º dia seguido nesta terça-feira (22). Os agentes passaram a contar com rádios comunicadores que têm um alcance de até 30km, além de helicópteros, cães e drones com visão noturna e térmica. Relembre o caso - No dia 9 de junho, Lázaro Barbosa de Sousa, 32 anos, assassinou três integrantes da mesma família e sequestrou uma quarta, Cleonice Vidal, em Ceilândia Norte. O corpo dela foi encontrado dois dias depois. O homem, apontado como autor dos crimes, segue foragido dentro da mata, no povoado do Girassol (GO), próximo a Cocalzinho. Com isso, as forças policiais fecharam o cerco em torno da região na tentativa de encontrá-lo. Desde que está foragido, Lázaro tem feito reféns e invadido chácaras por onde passa. 

  • Foragido, baiano acusado de assassinatos no DF foi visto por policiais e moradores no 10º dia de buscas

    Foto: Divulgação | Policia Civil Foto: Divulgação | Policia Civil
    Por Juliana Rodrigues

    19/06/2021 - 06:00


    Secretário de Segurança de Goiás diz que expectativa é que o suspeito seja preso até a manhã deste sábado

    CASO DE POLICIA

    - Apontado como autor de uma chacina em Ceilândia (DF) no dia 9 de maio, o baiano Lázaro Barbosa de Sousa foi avistado nesta sexta-feira (18), décimo dia de buscas, tanto por moradores quanto policiais de Goiás. A informação foi divulgada numa coletiva de imprens concedida pelo secretário de Segurança Pública do estado, Rodney Miranda. Segundo o secretário, a aparição do suspeito indica uma maior aproximação da operação até a localidade exata do fugitivo. “Tenho quase certeza que cheguei a vê-lo, a 1 km de distância, do outro lado de um vale. A aparência dele não era de pessoa ferida”, acrescentou Miranda. O secretário disse que a expectativa é que Lázaro seja preso até a manhã deste sábado (19). “Vamos virar a noite hoje, todos juntos. Hoje à noite mesmo ou amanhã de manhã a gente consegue finalizar a caçada a esse psicopata”, declarou. “Ele está a cada dia mais cansado, mais acuado. Não deixa, de maneira nenhuma, de ser perigosíssimo, mas está nas últimas forças”, afirmou Miranda. Lázaro é suspeito de matar quatro pessoas da mesma família. Depois disso, ele invadiu ao menos 11 propriedades, onde teria feito quatro pessoas reféns (todos resgatados posteriormente).  Durante as fugas, ele chegou a trocar tiros com polícias e um caseiro, segundo a investigação. Mais de 220 policiais das Tropas de elite das polícias Civil (GT3), Militar (Bope e Rotam), Federal (COT) e Rodoviária Federal (PRF) e Força Nacional de Segurança integram os grupos de buscas ao baiano. Os agentes são apoiados por helicópteros, cães farejadores e drones com visão térmica. Na quinta (17), os policiais encontraram um colchão dentro da mata que pode ter sido usado pelo fugitivo para dormir. Houve também uma troca de tiros no mesmo dia durante a noite em Cocalzinho de Goiás. Diário da fuga: Na sexta-feira (11), ele roubou um veículo e fugiu para Cocalzinho de Goiás. Depois colocou fogo no carro; No sábado (12), invadiu uma fazenda, atirou em três pessoas e colocou fogo em uma casa. Nesta ocasião, fez um caseiro refém, usou e obrigou a vítima a usar drogas; No domingo (13), o suspeitou furtou um carro para fugir da polícia, foi visto na BR-070 e acabou abandonando o veículo. A corporação acredita que ele tentava retornar ao DF; Na segunda-feira (14), ele foi filmado por câmeras de monitoramento e teria dormido em um galpão de uma chácara. Pediu comida aos moradores, mas fugiu; Na terça-feira (15), uma moradora de uma fazenda filmou os policiais durante buscas em sua propriedade. Segundo as imagens, Lázaro passou por lá durante a fuga. Mais tarde, ele sequestrou uma família em outra chácara (foram liberados sem ferimentos) e atirou em dois policiais, que foram atingidos de raspão, eles foram levados para hospitais e receberam alta; Na quarta-feira (16), Lázaro Barbosa foi visto por um morador em uma área rural; Na quinta-feira (17), a polícia retomou as buscas em matas da região e mudou a base de operação pela segunda vez. Força Nacional vai ajudar nas buscas; Na sexta-feira (18), Lázaro foi avistado novamente, desta vez por policiais e moradores de Goiás.

  • Baiano acusado de assassinatos no DF é atingido, mas foge de cerco da polícia

    Foto: Divulgação | Polícia Civil Foto: Divulgação | Polícia Civil
    Por Juliana Rodrigues

    15/06/2021 - 10:12


    Lázaro Barbosa tem 33 anos e é suspeito de matar a família Vidal Marques, em Ceilândia

    CASO DE POLICIA

    - O baiano acusado de ser o autor da chacina de Ceilândia, no Distrito Federal, continua em liberdade. A Polícia Militar tentou um cerco ao criminoso, mas ele furiu, embora tenha sido ferido por um caseiro da chácara que invadiu na noite da última segunda-feira (14). Lázaro Barbosa tem 33 anos e nasceu na cidade de Barra do Mendes, no centro-norte da Bahia. Ele é suspeito de assassinar a tiros e facadas a família Vidal Marques. As vítimas foram o pai e a mãe (Cláudio e Cleonice) e os filhos (Carlos Eduardo e Gustavo). A operação para capturar aquele que já está sendo chamado de 'serial killer de Brasília' possui mais de 200 homens. Segundo o comando da operação, toda a região de chácaras da cidade de Edilândia está cercada. Entre sexta e sábado, Lázaro baleou três homens e ateou fogo em outra chácara. Em Barra do Mendes, ele já havia cometido outros dois assassinatos.

  • PM encaminha à delegacia 34 organizadores de festa clandestina em cidade da Bahia

    Foto: Divulgação | SSP/BA Foto: Divulgação | SSP/BA
    Por Adele Robichez

    13/06/2021 - 16:37


    Proprietário da casa em Luís Eduardo Magalhães ainda não foi identificado

    CASO DE POLICIA

    - A Polícia Militar (PM) encaminhou 34 pessoas supostamente envolvidas na organização de uma festa clandestina para a delegacia na madrugada deste domingo (13). A ação aconteceu em Luís Eduardo Magalhães, município no extremo oeste da Bahia. Segundo a PM, foram recebidas denúncias anônimas de aglomeração em um imóvel na rua S1, do Parque São José, na periferia da cidade. Ao chegar ao local, a guarnização constatatou a irregularidade e encerrou a festa. Além disso, a polícia apurou que aquele imóvel já vinha sendo alugado para a realização de eventos irregulares. O major Cristiano Silva Mendes Gouveia, comandante da 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/LEM), responsável pela operação, ainda informou que o organizador do evento já havia sido detido por tráfico de drogas anteriormente. Ainda de acordo com a PM, entre as 34 pessoas encaminhadas ao Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) da cidade, havia adolescentes. O proprietário da casa ainda não foi identificado.

  • Mulher frita o pênis do ex-marido após matá-lo

    Foto: Divulgação | Policia Civil Foto: Divulgação | Policia Civil
    Por Juliana Rodrigues

    10/06/2021 - 21:52


    O casal ficou junto por 10 anos, tendo se separado em 2019.

    CASO DE POLICIA

    - Uma mulher foi presa em São Gonçalo, no Rio de Janeiro, após matar o marido, cortar o pênis do falecido e, em seguida, fritar em frigideira. De acordo com o Uol, os policiais foram chamados até a casa do casal, onde encontraram o marido morto, nu e mutilado. Ele foi identificado apenas como André. O casal ficou junto por 10 anos, tendo se separado em 2019. No entanto, encontros entre os dois ainda ocorriam rotineiramente. Eles eram pais de dois filhos. O crime - De acordo com as investigações, o caso aconteceu na última segunda-feira (7). Na noite do crime, o ex-casal foi até uma lanchonete e discutiram. Na ocasião, André ficou raivoso e agrediu um filho do casal. “A discussão continuou quando chegaram em casa e ele novamente, a ameaçou. Em um momento de descontrole, forte emoção e com medo de que ele atentasse contra a vida dela após diversas ameaças, ela acabou o matando”, afirmou a advogada Carla Policarpo. A família e a advogada de Dayana Cristina Rodrigues Machado, de 33 anos, afirmam que ela sofria agressões físicas e psicológicas por parte do ex-marido, e já havia denunciado ele à polícia. Contudo, a irmã da vítima rejeita a tese de legítima defesa e diz que o crime ocorreu por vingança de uma traição que o ex-marido teria praticado.

  • Homem apontado como maior assaltante de bancos da Bahia é preso em São Paulo

    Foto: Divulgação | Policia Civil Foto: Divulgação | Policia Civil
    Por Juliana Rodrigues

    22/05/2021 - 21:21


    Segundo a Polícia Civil, suspeito também foi autuado em flagrante por apresentar documento falso durante a prisão

    CASO DE POLICIA

    - Um homem apontado como maior assaltante de banco da Bahia foi preso neste sábado (22), por policiais do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), na região de Osasco, na grande São Paulo. A informação é da Polícia Civil. Segundo o diretor do Draco, delegado José Bezerra Alves Júnior, o homem também foi autuado em flagrante por uso de documento falso. "Foram cumpridos dois mandados de prisão contra o acusado", informou. O homem é suspeito de praticar todos os ataques a instituições financeiras ocorridos no interior da Bahia neste ano, exceto a ação ocorrida em Abaré. “Ele foi beneficiado pela saída temporária de Natal e não voltou mais para a cadeia. Ele já acumula passagens por roubo a banco em diversos estados e a fuga dele da cadeia contribuiu para o aumento dos ataques nos primeiros meses do ano na Bahia”, informou o delegado. A operação que levou à prisão do suspeito ainda teve a participação de policiais da 22ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Guanambi) e da Superintendência de Inteligência da Secretária da Segurança Pública (SSP), com a colaboração de unidades da Polícia Civil de São Paulo.

  • Dois policiais militares são presos por suposto envolvimento na morte de funcionário do Ciretran em Itabuna

    Foto: Reprodução | Arquivo Pessoal Foto: Reprodução | Arquivo Pessoal
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    13/03/2021 - 09:00


    CASO DE POLICIA

    - Dois policiais militares foram presos, um na última quinta-feira (11) e o outro no dia de ontem (12), por suposto envolvimento na morte do funcionário do Detran, Pablo Barrero, que tinha apenas 33 anos. O caso aconteceu na cidade de Itabuna, no sul da Bahia, no dia 22 de fevereiro, em que Pablo foi assassinado com 13 tiros. Os policiais se apresentaram na Corregedoria-geral da SSP-BA, em Salvador, após um mandado de prisão temporária ter sido expedido pela Vara Criminal do Júri da comarca de Itabuna. A Polícia Civil (PC) de Itabuna informou que Barrero foi morto por contrair uma dívida com proprietários de máquinas caça-níqueis. As referidas prisões são resultado da Operação Circuito Fechado, deflagrada no dia 5 de março, em Vitória da Conquista, mas iniciada pela Coordenadoria Regional do Interior (Coorpin) de Itabuna, que investiga a morte do funcionário. Pablo era funcionário da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), órgão do Detran.