BUSCA PELA CATEGORIA "BAHIA"

  • Bahia vacinou quase um terço da população contra Covid-19, diz consórcio de imprensa

    Foto: Reprodução | GOV/BA Foto: Reprodução | GOV/BA
    Por Juliana Rodrigues

    23/06/2021 - 08:00


    Já segunda dose foi aplicada em 11,57% dos baianos

    BAHIA

    - Um total de 4.515.288 pessoas receberam a primeira dose do imunizante contra o coronavírus na Bahia, segundo o balanço da vacinação divulgado na noite desta terça-feira (22) pelo consórcio de veículos de imprensa. Com isso, 30,24% da população do estado foi vacinada contra a Covid-19. Já a segunda dose foi aplicada em 11,57% da população da Bahia: 1.726.913 pessoas. No total, 6.242.201 doses foram aplicadas no estado (77,79% das 8.005.140 doses recebidas). No Brasil, 65.654.739 pessoas receberam a primeira dose (31% da população do país). Destas, 24.509.708 tomaram a segunda (11,57%). Ao todo, foram utilizadas 90.164.447 vacinas para a ação (80% das doses recebidas pelos estados).

  • Bahia registra 5.046 novos casos de Covid-19 e 100 mortes pela doença nas últimas 24h

    Foto: Reprodução | AFP Foto: Reprodução | AFP
    Por Juliana Rodrigues

    22/06/2021 - 19:40


    A taxa de ocupação dos leitos de UTI está em 80% no estado

    BAHIA

    - A Bahia registrou 5.046 novos casos de Covid-19 e 100 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta terça-feira (22) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje. No total, o estado contabiliza 1.104.545 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 23.354 óbitos. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 80% no estado. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h desta terça-feira, 66 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 22 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

  • Seguro Garantia-Safra é pago a cerca de 215 mil agricultores que aderiram ao programa

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    22/06/2021 - 11:28


    BAHIA

    - Por meio da articulação do Governo do Estado, junto ao Comitê Gestor do Programa Garantia-Safra, mais nove municípios baianos, que aderiram às safras verão e inverno 2019/2020, passaram a integrar a folha de pagamento do Programa, ainda neste mês de junho, com a liberação de recursos da ordem de R$ 9 milhões. A ação é resultado do encaminhamento do pedido de reanálise das perdas de safra de municípios que ainda não haviam sido contemplados pelo programa, nas safras verão e inverno 2019/2020. Devido à pandemia o pagamento está sendo realizado em parcela única de R$ 850 por família. O seguro irá garantir as condições mínimas para o replantio, e, ao mesmo tempo, movimentar a economia dos municípios atingidos pela estiagem prolongada ou pelo excesso de chuvas. Dessa vez, foram autorizados os pagamentos para agricultores e agricultoras dos municípios de Andorinha, Caculé, Cansanção, Mairi, Quinjigue, Santa Bárbara, Santaluz, São Domingos e Várzea da Roça. No total, 214.958 agricultores familiares baianos, de 212 municípios, tiveram o pagamento do benefício autorizado, o que representa a liberação total de recursos da ordem de R$182,7 milhões. A iniciativa integra a estratégia do Governo do Estado, para assegurar o acesso de agricultoras e agricultores familiares baianos às políticas públicas. É executada pela Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf), em parceria com a Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), unidades da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e outras instituições públicas e organizações sociais. Nas safras verão e inverno 2019/2020, o Estado aportou recursos da ordem de R$ 34,3 milhões. O programa Garantia-Safra, coordenado pelo MAPA, é composto por contribuições dos agricultores familiares, Estados, Municípios e União. Na Bahia, o Estado assume também o pagamento de 50% do valor devido aos agricultores familiares e às prefeituras municipais. "O Garantia-Safra vem garantindo o poder de compra às famílias beneficiárias que tiveram suas safras frustradas por escassez hídrica no Semiárido baiano. A aquisição de insumos agrícolas destinados à recomposição de plantios, bem como de alimentos, para a garantia da segurança alimentar das famílias, aquecem a economia nos diversos municípios baianos que aderiram ao programa", destacou Vinícios Videira, gestor da SUAF/SDR. Sobre o programa - O programa Garantia-Safra garante a segurança alimentar para agricultores familiares de municípios que sofrem por estiagem ou enchente. Podem receber o benefício os agricultores com renda mensal de até um salário mínimo e meio, quando tiverem perdas de produção, nas culturas do milho, feijão, arroz, algodão e mandioca, em seus municípios, iguais ou superiores a 50%. O Garantia-Safra prevê o repasse de R$ 850, divididos em cinco parcelas de R$ 170,00. Na Bahia, o Estado assumiu o pagamento de 50% do valor devido aos agricultores e às prefeituras municipais. O Garantia-Safra é uma ação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), coordenado nacionalmente pelo Comitê Gestor do Garantia-Safra, do MAPA.

  • Bahia registra 2.160 novos casos de Covid-19 e mais 77 óbitos pela doença

    Foto: Reprodução | AFP Foto: Reprodução | AFP
    21/06/2021 - 20:11


    BAHIA

    - Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 2.160 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,2%) e 2.790 recuperados (+0,3%). O boletim epidemiológico desta segunda-feira (21) também registra 77 óbitos. Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro foram realizados hoje. Dos 1.099.499 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.059.838 já são considerados recuperados, 16.407 encontram-se ativos e 23.254 tiveram óbito confirmado. O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1.345.656 casos descartados e 230.807 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta segunda-feira. Na Bahia, 50.415 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 23.254, representando uma letalidade de 2,11%. Dentre os óbitos, 55,79% ocorreram no sexo masculino e 44,21% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 54,95% corresponderam a parda, seguidos por branca com 22,24%, preta com 15,42%, amarela com 0,42%, indígena com 0,13% e não há informação em 6,84% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 61,09%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,01%). Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h desta segunda-feira (21), 62 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 22 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia. Vacinação - Com 4.435.221 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 1.706.025 receberam também a segunda dose, até as 16 horas desta segunda-feira, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel. Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.

  • Maio registra aumento de mais de 50% em média de mortes na Bahia

    Foto: Reprodução | AFP Foto: Reprodução | AFP
    Por Juliana Rodrigues

    21/06/2021 - 19:21


    Em relação ao mesmo mês do ano passado crescimento é de quase 100%

    BAHIA

    - Em maio a Bahia registrou aumento da média de 54,9% no número de mortes por Covid-19, atingindo a marca de 1.795 mortes, frente a uma média de 1.158. Esse foi o terceiro pior mês número de mortes desde o início da pandemia da Covid-19 no estado. Os dados foram obtidos pelo Portal da Transparência dos Cartórios de Registro Civil que é administrado pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil), e pode ainda sofrer mudanças, uma vez que o prazo legal para envio de óbitos à plataforma nacional pode chegar a até 12 dias do falecimento. Os números de maio só são melhores quando comparados com os de março deste ano e pior quando comparado com abril, também, deste ano, respectivamente o primeiro e segundo piores meses da pandemia no Brasil, auge da segunda onda da doença que lotou UTIs de hospitais em todo o território nacional. Na comparação com março, maio aponta queda de 29,9% no número de óbitos, enquanto na comparação com abril a queda foi de 18,3%. Em números absolutos, maio registrou 1.795 óbitos causados pelo novo coronavírus, março 2.560, e abril 2.196. “O Portal da Transparência de Registro Civil nos permite ter esse parâmetro de informação e poder levar esse conhecimento para a comunidade, mostrando em números absolutos, a importância da vacinação e da população continuar tomando os cuidados necessários para se evitar a propagação do vírus”, enfatiza o presidente da Arpen/BA, Daniel de Oliveira Sampaio. Maio/20 x Maio/21 - Um ano depois, maio de 2021 registrou um aumento de 98,3% dos óbitos na Bahia em comparação com o mesmo mês de 2020. Em números absolutos foram 1.795 mortes no mês passado frente a 905 em maio do ano passado. Na mesma comparação, 18 Estados apresentam números maiores este ano, enquanto nove apresentam redução quando comparados ao mesmo período do ano passado. Já no Brasil, maio de 2021 registrou um aumento de 71,9% dos óbitos em comparação com o mesmo mês de 2020. Em números absolutos foram 49.282 mortes no mês passado frente a 28.667 em maio do ano passado. Na mesma comparação, 18 Estados apresentam números maiores este ano, enquanto nove apresentam redução quando comparados ao mesmo período do ano passado.

  • Por meio de liminar, Viação Novo Horizonte manterá transporte intermunicipal no período junino

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    21/06/2021 - 15:00


    BAHIA

    - A empresa de transporte Viação Novo Horizonte, por meio de liminar obtida na Justiça desde o ano passado, irá operar no período junino. A liminar judicial permite a Novo Horizonte realizar o transporte de passageiros por todo território baiano, desde que obedecida as normas sanitárias determinadas pelas entidades de Saúde. Conforme o decreto do Governo do Estado da Bahia, que começou a vigorar nesta segunda-feira (21), o transporte coletivo intermunicipal rodoviário e hidroviário está suspenso em toda a Bahia até às 5h do dia 28 de junho. De acordo com o governo, a medida visa conter o avanço da Covid-19 no estado. O governo baiano também atesta que a fiscalização do decreto é de responsabilidade da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações (Agerba). Por parte da Novo Horizonte, a empresa afirma que continuará mantendo a qualidade de seus serviços em consonância com o cumprimento das recomendações sanitárias, prezando assim, pela segurança de seus clientes.

  • Bahia deve receber mais 491 mil doses de vacina contra Covid nesta segunda

    Foto: Reprodução | Agência Brasil Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Por Adele Robichez

    21/06/2021 - 09:00


    Com novo lote, estado chegará a 8 milhões de doses de imunizantes desde início da pandemia

    BAHIA

    - O secretário de Saúde Fábio Vilas-Boas anunciou, na noite deste domingo (20), a chegada de uma nova remessa de vacinas contra a Covid-19 ao estado. De acordo com ele, chegarão, na manhã desta segunda-feira (21), um total de 491.250 doses do imunizante da Oxford/Astrazeneca. O comunicado, publicado pelo secretário, nas suas redes sociais, indica que o novo lote será desembarcado em Salvador por volta das 9h35. A nova quantia se somará às 7.531.400 doses de vacinas contra o coronavírus já recebidas pela Bahia, totalizando 8.022.650. Vamos iniciar a semana com uma boa notícia! Temos previsão de receber amanhã, às 9h35, 491.250 doses de vacinas Astrazeneca/Oxford. Dessa forma, seguiremos com a imunização do povo baiano. — Fábio Vilas-Boas (@fabiovboas) June 20, 2021.

  • Em 24 horas, Bahia registra 4.567 casos de Covid-19 e 73 mortes pela doença

    Foto: Divulgação | GOV/BA Foto: Divulgação | GOV/BA
    Por Juliana Rodrigues

    20/06/2021 - 17:48


    Segundo a Sesab, até as 12h deste domingo, 75 solicitações de internação em UTI Adulto constavam no sistema da Central Estadual de Regulação

    BAHIA

    - Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 4.567 casos de Covid-19, segundo o boletim epidemiológico deste domingo (20) divulgado pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), que também traz o registro de 73 óbitos. No entanto, apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e registro só foram realizados hoje. Segundo a pasta, dos 1.097.339 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.057.048 já são considerados recuperados, 17.114 encontram-se ativos e 23.177 tiveram óbito confirmado, representando uma letalidade de 2,11%. A Sesab destaca que a existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h deste domingo, 75 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 34 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia. Vacinação - Com 4.403.003 vacinados contra o coronavírus (Covid-19), dos quais 1.700.360 receberam também a segunda dose, até as 12 horas deste domingo, a Bahia é um dos estados do País com o maior número de imunizados. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) realiza o contato diário com as equipes de cada município a fim de aferir o quantitativo de doses aplicadas e disponibiliza as informações detalhadas no painel. Tem se observado volume excedente de doses nos frascos das vacinas contra a Covid-19, o que possibilita a utilização de 11 e até 12 doses em apenas um frasco, assim como acontece com outras vacinas multidoses. O Ministério da Saúde emitiu uma nota que autoriza a utilização do volume excedente, desde que seja possível aspirar uma dose completa de 0,5 ml de um único frasco-ampola. Desta forma, poderá ser observado que alguns municípios possuem taxa de vacinação superior a 100%.

  • Rui Costa faz apelo para que baianos evitem aglomerações durante o São João

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Juliana Rodrigues

    20/06/2021 - 11:15


    O governador esteve em Amargosa para inaugurações e reforçou o pedido

    BAHIA

    - O governador Rui Costa (PT), aproveitou sua passagem pelo município de Amargosa neste sábado (19), para apelar a população que não promova aglomerações neste São João. Rui entregou as obras da cidade e ressaltou a necessidade de reforçar as medidas de prevenção à disseminação do coronavírus. Rui disse que insiste em fazer esses avisos pela preocupação com o aumento de casos de Covid-19 no estado. “Quero aqui fazer um apelo não só ao povo de Amargosa, mas a toda à região e a todos baianos. Não queremos impedir a tradição, mas precisamos nos cuidar agora e evitar o pior depois”, afirmou. Rui destacou que a situação da pandemia poderia ser muito diferente no país se não fosse a lentidão da vacina. “Hoje, já era para 70% do povo brasileiro já ter sido vacinado. Infelizmente, o presidente não comprou a vacina no ano passado, quando os laboratórios ofereceram. Como a CPI está mostrando, teve laboratório que ofereceu ao Brasil vacina pela metade do preço e mesmo assim o presidente não comprou”, ressaltou. Ele lembrou que, graças aos avanços na vacinação, na Europa, já está havendo jogos com público nos estádios, enquanto o Brasil se aproxima de uma terceira onda da doença. “Meu apelo é que, mesmo mantendo a tradição cultural do São João, evitem a qualquer custo as aglomerações”, enfatizou o governador, sugerindo que as pessoas façam suas comemorações dentro do grupo familiar com que convivem. O governador esteve no município para a entrega do Hospital Municipal reformado e equipado com recursos estaduais, o Ginásio Poliesportivo reformado por meio da Superintendência de Desportos da Bahia (Sudesb), o espaço Colaborar, instalado na sede pela Secretaria da Ciência Tecnologia e Inovação (Secti) para fomentar o empreendedorismo, e duas pontes na zona rural, construídas pela Secretaria da Infraestrutura do Estado.

  • Corregedoria reconstitui ação do Bope que resultou em morte de soldado no Farol da Barra

    Foto: Reprodução | TV Sudoeste Foto: Reprodução | TV Sudoeste
    Por Juliana Rodrigues

    20/06/2021 - 11:00


    Wesley Soares de Góes foi alvejado por agentes que negociavam sua rendição durante um suposto surto, no dia 28 de março

    BAHIA

    - A Corregedoria-Geral da Polícia Militar fará, a partir das 14h deste domingo (20), na orla do Farol da Barra, a reprodução simulada da ação que resultou na morte do soldado Wesley Soares de Góes, no dia 28 de março deste ano. Wesley, que tinha 38 anos, foi morto por agente do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) que negociavam sua rendição durante um suposto surto psicótico. Segundo PM, a reconstituição das cenas fazem parte das formalidades do inquérito militar que apura o caso é conduzido em segredo de Justiça. O procedimento tem como objetivo esclarecer as circunstâncias da morte de Wesley por meio de parecer técnico a fim de garantir a lisura e dar suporte à instrução inquérito. Todos os advogados constituídos nos autos do procedimento investigatório, dentre os quis o representante da família da vítima, foram notificados para acompanhar a simulação. No dia do suposto surto, Wesley passou cerca de quatro horas dando tiros para o alto com um fuzil. Ele tinha o rosto pintado de verde e amarelo e gritava palavras de ordem diante de um dos principais pontos turísticos da capital baiana. Alvejado por homens do Bope que tentavam demovê-lo do protesto solitário, ele chegou a ser socorrido por uma ambulância do Samu (Serviço Móvel de Urgência) para o HGE (Hospital Geral do Estado), mas não resistiu aos ferimentos.

  • Bahia registra 4.737 novos casos de Covid e 96 mortes em 24 horas

    Foto: Reprodução | AFP Foto: Reprodução | AFP
    Por Luciana Freire

    19/06/2021 - 18:00


    Ocupação dos leitos de UTI está em 82%

    BAHIA

    - A Bahia registrou 4.737 novos casos de Covid-19 e 96 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta quinta-feira (19) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje. No total, o estado contabiliza 1.092.772 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 23.104. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 82% no estado. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h deste sábado, 74 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 56 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

  • Bahia registra 4.998 novos casos de Covid e 102 mortes em 24 horas

    Foto: Reprodução | Jefferson Peixoto Foto: Reprodução | Jefferson Peixoto
    Por Luciana Freire

    18/06/2021 - 18:00


    Ocupação dos leitos de UTI está em 81%

    BAHIA

    - Bahia registrou 4.998 novos casos de Covid-19 e 102 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta sexta-feira (18) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje. No total, o estado contabiliza 1.088.035 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 23.008. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 81% no estado. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h desta sexta-feira, 94 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 73 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

  • Em leilão de veículos, Polícia Civil arrecada quase R$ 1 milhão

    Foto: Divulgação | Polícia Civil Foto: Divulgação | Polícia Civil
    Por Gabriel Amorim

    18/06/2021 - 17:30


    BAHIA

    - Um leilão online foi promovido nesta sexta-feira (18), pela Polícia Civil da Bahia. O evento leiloou 22 lotes de veículos apreendidos em repressão ao tráfico de drogas e arrecadou  R$ 972,8 mil.  "A Polícia Civil da Bahia tem repensado o combate ao crime organizado. Buscamos não apenas a apreensão de entorpecentes e prisão dos integrantes, mas também o bloqueio dos bens dos envolvidos. Entendemos que descapitalizar o crime organizado é um caminho efetivo no combate a esses grupos", declarou o delegado Alexandre Ramos Galvão, presidente da Comissão Permanente de Avaliação e Alienação de Bens (CPAAB), responsável pelo leilão. Os recursos arrecadados nesta sexta edição do leilão, podem voltar à instituição em investimento e, segundo os delegados, ajudam a esvaziar os pátios das unidades policiais e reduzir vetores de transmissão de arboviroses como dengue, chikungunya e zika.

  • Secretário alerta para circulação de oito variantes da Covid na Bahia

    Foto: Reprodução | Agência Brasil Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Por Adele Robichez

    18/06/2021 - 15:15


    Situação preocupa, associada ao São João e aumento de casos no ano passado durante feriado

    BAHIA

    - O secretário de Saúde da Bahia Fábio Vilas-Boas demonstrou preocupação com o feriado de São João após a constatação de há oito variantes circulando no estado, sendo que a P1, originária de Manaus (AM), mais transmissível, é responsável por 80% dos casos ativos da Covid-19. Ele também alertou para a impossibilidade de lidar com um novo crescimento de casos, assim como aconteceu no ano passado logo após o período junino. O resultado do índice de infecções pela cepa foi obtido pelo Lacen-BA a partir do sequenciamento de 257 amostras provenientes de pacientes de 98 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde da Bahia, de setembro de 2020 até 21 de maio de 2021. Até o momento não foi identificada nenhuma amostra com a variante indiana. “A variante P1 se tornou predominante, sendo a responsável pela aceleração do número de internações e elevação do número de óbitos em todo o Brasil, inclusive, na Bahia”, afirmou o secretário. “Precisamos manter os cuidados contra a Covid-19! E ele precisa ser reforçado, já que no comparativo mês a mês vemos o crescimento da diversidade de cepas detectadas no estado, sendo oito agora”, acrescentou. Em vídeo divulgado nas redes sociais, Vilas-Boas citou o grande aumento de casos registrado ano passado, 15 dias após o São João, nas cidades do interior baiano. Um levantamento feito pelo Jornal da Metropole, publicado no dia 10 de junho, a partir dos dados da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), indica que em Amargosa, Ibucuí e Santo Antônio de Jesus, os casos cresceram em mais de 500% e, em Cachoeira, o aumento chegou a ser de 785% em 2020.

  • PM terá reforço de 7,5 mil policiais durante Operação de São João

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Kamille Martinho

    18/06/2021 - 09:00


    A ação ocorre entre os dia 23 e 28 de junho

    BAHIA

    - A Operação São João, da Polícia Militar, contará com o incremento no efetivo de 7,5 mil policiais em todo território baiano, na tentativa de evitar aglomerações durante o período. A ação ocorre entre os dia 23 e 28 de junho. "Essa mobilização de efetivo vai gerar um investimento de R$ 1,1 milhão de deslocamento, pagamento de horas extras, diárias. A gente pega o pessoal de folga em regime extraordinário e incrementa esse policiamento nessas cidades", declarou o oficial do Comando de Operações Policiais Militares (COPPM), o major Edmundo Assemany. "O nosso foco é o trabalho educacional. A gente não quer ir lá para prender, mas, diante à insistência, os indivíduos serão conduzidos à delegacia para as medidas cabíveis", pontuou. Através de nota, o major garantiu que, apesar das ações para o período do São João, o policiamento ordinário está mantido. Denuncias de aglomerações e festas clandestinas podem ser feitas através do 190 ou do novo número do Disque Denúncia, 181, que atende todo o estado da Bahia.

  • Distribuição de vacinas da Covid-19 para os municípios passa a ser apenas por critério de idade

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por Juliana Rodrigues

    17/06/2021 - 20:00


    A distribuição das doses seguirá apenas de forma proporcional à população de cada município

    BAHIA

    - A distribuição das vacinas contra a Covid-19 na Bahia passará a ser feita apenas por critérios etários. A decisão foi tomada nesta quinta-feira (17) em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), instância deliberativa que reúne gestores de saúde municipais e do Estado. Com esta deliberação, a distribuição das vacinas seguirá apenas de forma proporcional à população de cada município e não mais será levado em conta o percentual de vacinação da influenza de anos anteriores mais o quantitativo de pessoas em grupos prioritários. “A decisão foi tomada em função de várias assimetrias identificadas na distribuição das vacinas, com alguns municípios já tendo imunizado, com a primeira dose, cerca de 80% da sua população alvo e outros com apenas 20%”, explica o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas. A decisão deve passar a valer a partir de amanhã com a publicação da nova resolução no Diário Oficial do Estado. A remessa de novos lotes de vacinas que chegarão nesta sexta-feira (18) já será distribuída seguindo este novo critério. O secretário da Saúde explica também que outra medida será adotada para a distribuição dos imunizantes: “Caso algum município já tenha ultrapassado 70% de cobertura, receberá 33% do que seria destinado inicialmente e se a cobertura já estiver em 50% ou mais, o quantitativo de doses recebido será de 50%. As doses excedentes serão redistribuídas entre os municípios com cobertura vacinal inferior a 50%. Essa medida vai perdurar até que os municípios baianos alcancem a mesma média de cobertura em todo o estado.

  • Bahia registra 5.253 novos casos de Covid e 84 mortes em 24 horas

    Foto: Reprodução | Agência Brasil Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Por Luciane Freire

    17/06/2021 - 19:00


    Ocupação dos leitos de UTI está em 83%

    BAHIA

    - A Bahia registrou 5.253 novos casos de Covid-19 e 84 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta quinta-feira (17) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje. No total, o estado contabiliza 1.083.037 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 22.906. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 83% no estado. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h desta quinta-feira, 109 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 78 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.

  • PM faz operação especial para coibir aglomerações nas festas juninas

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Juliana Rodrigues

    17/06/2021 - 12:00


    Serão mobilizados 7,5 mil agentes na ação, sendo 7 mil no interior e 500 na capital

    BAHIA

    - Com o objetivo de fiscalizar e coibir a realização de festas juninas e, consequentemente, aglomeração de pessoas, a Polícia Militar da Bahia deflagrou a Operação São João. A ação ocorre em todo o estado, com maior destaque no interior baiano, e busca cumprir o decreto estadual que proíbe a reunião de pessoas, com a intenção de conter a disseminação do coronavírus, que provoca a Covid-19. De acordo com o representante do Comando de Operações da PM, major Edmundo Assemany, serão mobilizados 7,5 mil agentes na ação, sendo 7 mil no interior e 500 na capital. O investimento na operação é de R$ 1,1 milhão. “O objetivo é fazer cumprir o decreto estadual que proíbe aglomeração em festas durante o período junino.  A gente espera o bom senso da comunidade para que se evite aglomerações em festa para evitar a proliferação do vírus. Preferimos agir de forma preventiva, fazendo a parte educacional, evitando que essas festas aconteçam”, disse. Denúncias podem ser feitas por meio do telefone 190 ou pelo Disque Denúncia no canal 181. “A Polícia Militar vai agir para interromper, caso ocorra esse tipo de aglomeração”, garantiu o major.

  • Alba aprova proposta da reforma da previdência de servidores públicos civis da Bahia

    Foto: Divulgação | ALBA Foto: Divulgação | ALBA
    Por Juliana Rodrigues

    17/06/2021 - 11:30


    Proposta foi enviada pelo poder Executivo e, de acordo com Alba, objetivo é aprimorar a aplicação das regras da previdência.

    BAHIA

    - A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) aprovou a proposta de emenda constitucional que adequa o regime de previdência de servidores públicos civis da Bahia. A aprovação ocorreu em sessão virtual nesta quarta-feira (16). A proposta de emenda constitucional foi enviada pelo poder Executivo. De acordo com a Alba, o objetivo da proposta é aprimorar a aplicação das regras da previdência. Conforme informações do G1 Bahia, horas antes da aprovação da proposta, policiais civis, servidores do poder judiciário e policiais penais fizeram uma manifestação contra a reforma, na frente da Alba. Segundo a categoria, a aprovação da emenda trará impactos importantes e negativos na aposentadoria dos policiais civis. A Alba informou que as alterações não implicarão na perda de direitos dos servidores. Servidores são contra - De acordo com o presidente do Sindicato dos Policiais Civis do estado (Sindpoc) Eustácio Lopes, a aprovação da emenda trará impactos importantes e negativos na aposentadoria dos policiais civis. “Nós temos a favor da categoria o artigo 40 da constituição, que nos coloca como atividade de risco, e por isso temos direito a um regime, a uma aposentadoria especial. Essa aposentadoria especial está na lei complementar, que nos dá como aposentadoria a última remuneração, e isso é integral”. Ainda de acordo com ele, a medida “desrespeita uma vinculante do STF, que reconhece como atividade especial e a decisão transitada e julgada no STF, onde impõe ao governo da Bahia a aposentadoria do policiais civis pela última remuneração”, disse o presidente.

  • Bahia registra 5.885 novos casos de Covid e 119 mortes em 24 horas

    Foto: Reprodução | Agência Brasil Foto: Reprodução | Agência Brasil
    Por Luciane Freire

    16/06/2021 - 18:45


    Ocupação dos leitos de UTI está em 84%

    BAHIA

    - A Bahia registrou 5.885 novos casos de Covid-19 e 119 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo boletim divulgado nesta quarta-feira (16) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Apesar de as mortes terem ocorrido em diversas datas, a confirmação e o registro foram realizados hoje. No total, o estado contabiliza 1.077.784 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, com 22.822. A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com Covid é de 84% no estado. Situação da regulação de Covid-19 - Às 12h desta quarta-feira, 112 solicitações de internação em UTI Adulto Covid-19 constavam no sistema da Central Estadual de Regulação. Outros 61 pedidos para internação em leitos clínicos adultos Covid-19 estavam no sistema. Este número é dinâmico, uma vez que transferências e novas solicitações são feitas ao longo do dia.