BUSCA PELA CATEGORIA "POLICIAL"

  • Governo do Estado pagará R$ 13 milhões a policiais que reduziram homicídios

    Foto: Reprodução | PM-BA     Foto: Reprodução | PM-BA
    01/03/2022 - 16:30


    Os servidores que atuam em unidades das polícias Militar, Civil e Técnica que diminuíram em, pelo menos, 3% o número de casos de homicídio

    POLICIAL

    - O Governo do Estado pagará a 12 mil policiais militares, civis e peritos que reduziram as mortes violentas, na Bahia, no segundo semestre de 2021 um Prêmio por Desempenho Policial (PDP). O valor total será de, aproximadamente, R$ 13,7 milhões. Os servidores que atuam em unidades das polícias Militar, Civil e Técnica que diminuíram em, pelo menos, 3% o número de casos de homicídio, latrocínio e lesão dolosa seguida de morte receberão valores entre R$ 371 e R$ 1,8 mil. "Tivemos quedas em outubro, novembro e dezembro de 2021 e, no primeiro bimestre deste ano, estamos com uma redução de 16,9% das mortes violentas. Os policiais são os responsáveis por esse grande feito. A sociedade precisa reconhecer a dedicação desses profissionais", ressaltou o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino.

  • Operação da Polícia Civil por todo o território baiano prende 48 pessoas até o final da manhã

    Foto: Divulgação | Polícia Civil Foto: Divulgação | Polícia Civil
    18/02/2022 - 15:00


    Mais de 400 policiais civis atuam nas ações realizadas em municípios do interior

    POLICIAL

    - A quarta fase da Operação Unum Corpus, deflagrada nesta sexta-feira (18) nas cidades-sedes das Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins) e outros municípios baianos, já resultou na prisão de 48 pessoas, segundo dados coletados até as 11h. Dos 48 presos até agora, 15 têm envolvimento por homicídio e latrocínio. A operação também já apreendeu seis armas de fogo. Entre os capturados, há também pessoas ligadas ao tráfico de drogas e a crimes contra o patrimônio, além de indivíduos que praticaram violência doméstica.

  • Primeiro mês do ano tem redução de 23,7% nos crimes violentos contra a vida

    Foto: Reprodução | SSP-BA Foto: Reprodução | SSP-BA
    01/02/2022 - 15:00


    Homicídio, latrocínio e lesão corporal seguida de morte apresentam redução desde outubro do ano passado

    POLICIAL

    - A Bahia apresentou diminuição de 23,7% no mês de janeiro de 2022 nos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs), comparado ao mesmo período de 2021. Foram 389 casos, contra 510, o que reflete na preservação de 121 vidas. Em Salvador, os crimes de homicídio doloso, lesão corporal seguida de morte e latrocínio (roubo seguido de morte) tiveram uma redução de 11,6%. Foram 112 casos no primeiro mês de  2021, contra 99 de 2022. Já a Região Metropolitana de Salvador, que abrange 13 cidades, também apresentou queda nessa categoria.  De 58 ocorrências computadas em 2021, os delitos caíram para 44, representando uma diminuição de 24,1%. Essa tendência segue desde o mês de outubro quando os CVLIs passaram de 522, em 2021, para 466 em 2021 (-22%). No geral, o último trimestre do ano passado teve redução de 14,83%. Foram 1.274 casos contra 1.487 em 2020. O secretário da SSP, Ricardo Mandarino, atribui esse resultado às prisões, retiradas de armas das ruas e às operações  conjuntas realizadas pelas Polícias Militar e Civil. "É um trabalho constante, diário, que requer muito empenho e determinação. Nosso efetivo é formado por profissionais que se dedicam em proporcionar o melhor à população Baiana. E os números comprovam isso. Não há dúvidas que seguiremos nesse caminho de, cada vez mais, reduzirmos os  índices criminais", afirmou o gestor.

  • Empresário é suspeito de chefiar maior quadrilha de roubo de carga e desmanche de caminhões na Bahia

    Foto: Divulgação | PRF     Foto: Divulgação | PRF
    17/12/2021 - 14:00


    Segundo as investigações, essa era a maior quadrilha com atuação na Bahia e com conexões em Minas Gerais, Sergipe, Goiás, dentre outros estados

    POLICIAL

    - Um empresário, suspeito de chefiar uma quadrilha de roubo de carga e desmanche de caminhões, foi preso com mais 6 pessoas. A prisão ocorreu na última quinta-feira (16), como parte de uma operação entre a Polícia Rodoviária Federal em parceria com a Polícia Civil da Bahia e Polícia Militar da Bahia (PM), através da equipe Rondesp. As atividades foram iniciadas após os PRFs receberam a informação de que um veículo de carga, carregado de farelo de soja e que tinha sido roubado no último dia 12, encontrava-se no anel viário, BR-116, saída para Anagé (BA). As equipes então deslocaram-se para o local indicado por volta das 12h,  e avistaram um galpão, em que encontraram dois caminhões sendo desmanchados, um guincho carregado com um cavalo trator também desmontado, identificado posteriormente como veículo roubado na BR-242, além  de um caminhão carregado com várias peças e um Jammer (equipamento que gera sinal em uma ou mais frequências de comunicação, podendo desta forma bloquear a frequência do rastreador). Um dos suspeitos relatou quem era o proprietário do estabelecimento, informando ainda que as peças que estavam no caminhão eram oriundas de outro galpão e provenientes de origem ilícita. Ao verificar o segundo galpão indicado, os policiais encontraram dois reboques roubados no dia 29/11, na BR-251, em Minas Gerais, carregados de ração animal no valor de R$ 321.066,43, um motor objeto de ação criminosa e seu respectivo reboque, dois semi-reboques sem identificação, ambos com os chassis cortados, um implemento de caminhão e um pneu novo, 275/80. Foi indicado pelos envolvidos que o responsável por toda ilicitude era um empresário da região, responsável por um estabelecimento comercial também verificado. No local, o homem evadiu da fiscalização, contudo a Strada conduzida por ele foi alcançada e no seu interior encontrado quatro notebooks, duas chaves mixer, um tablet, um Jammer, um multímetro Kikari, três Scanner’s e duas maletas. Além de um motor que foi dispensado pelo suspeito mas localizado pelos policiais. A ocorrência foi encaminhada para Delegacia de Polícia Judiciária local onde serão adotadas as medidas cabíveis.

  • Polícia deflagra operação de combate a crimes sexuais contra crianças na internet

    Foto: Divulgação     Foto: Divulgação
    15/12/2021 - 11:00


    Mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Salvador e no interior do estado

    POLICIAL

    - Buscando coibir crimes de divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na rede mundial de computadores, o Laboratório de Inteligência Cibernética da Polícia Civil do Departamento de Inteligência  Policial (DIP) e a Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca) deflagraram na manhã  desta quarta-feira (15), a operação "Infância Protegida". Mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos nos municípios de Salvador e cidades do interior do estado. "A ação é em desfavor de suspeitos envolvidos no cometimento de crimes de exploração infantil  e abuso sexual Infantil", explicou o delegado Delmar Bittencourt. Participam também da operação o Departamento de Polícia do Interior (Depin), Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), a Assessoria Executiva de Operação de Polícia Judiciária (Aexpj). 

  • Unum Corpus: Homem é preso depois de enterrar companheira viva

    Foto: Divulgação | Polícia Civil     Foto: Divulgação | Polícia Civil
    10/12/2021 - 17:00


    Desaparecida desde o dia 29 de novembro, a mulher foi localizada numa região de mata, em uma cova rasa, amarrada e ferida na cabeça

    POLICIAL

    - Investigadores da 6ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Itabuna e da Delegacia Territorial (DT) de Barro Preto prenderam, na quinta-feira (9), um homem que agrediu a companheira e a enterrou viva. A mulher, de 53 anos, foi localizada numa região de mata, em uma cova rasa, amarrada e com uma pancada na cabeça. Desaparecida desde o dia 29 de novembro, quando saiu da casa da família para passar a semana com o homem, a mulher estava desidrata e com sinais de confusão mental. Localizado na zona rural de Barro Preto, o suspeito confessou o crime e apontou o local onde enterrou a companheira viva. Em depoimento, ele declarou ter empurrado a mulher durante uma discussão. Ela caiu e bateu com a cabeça no chão, ficando desacordada por alguns minutos, momento em que o homem achou que a companheira estava morta. Após reanimar a vítima, ele a amarrou e a enterrou numa cova rasa. Toda a ação ocorreu no dia 5 de dezembro. A Polícia Civil tomou conhecimento do fato na terça-feira (7), quando iniciou as diligências. “Foram horas de buscas em mata fechada. Ele disse que sabia que a mulher estava viva e fez isso como castigo, pois estava com ciúmes e queria punir a companheira”, destacou o coordenador da 6ª Coorpin/Itabuna, delegado Evy Paternostro. Autuado por cárcere privado, o homem está à disposição da Justiça. “Já solicitamos a conversão do flagrante em prisão preventiva”, informou o coordenador de Itabuna, acrescentando que a prisão ocorreu no bojo da Operação Unum Corpus, realizada em cidades do interior da Bahia.

  • Operação Grande Serra captura 29 pessoas, apreende drogas e dinheiro

    Foto: Divulgação | Polícia Civil     Foto: Divulgação | Polícia Civil
    08/12/2021 - 08:00


    Vinte quilos de drogas, cinco armas e mais de R$ 100 mil foram apreendidos

    POLICIAL

    - Acusados de associação criminosa e tráfico de drogas tiveram mandados de prisão e de busca e apreensão cumpridos durante a Operação Grande Serra, deflagrada nesta terça-feira (7),  pelas polícias Civil e Militar, em cinco municípios da região da Chapada Diamantina e nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal. Vinte seis homens e três mulheres foram presos. Além da prisão dos vinte e seis homens e três mulheres, alguns acusados também foram autuados em flagrante, após policiais de diversas unidades da Polícia Civil e guarnições da Polícia Militar  apreenderem mais de R$ 100 mil em cheques, aproximadamente R$ 14 mil em dinheiro, notas promissórias somando o valor de R$ 30 mil e dois veículos com sinais identificadores adulterados. A operação deflagrada pela 12a Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itaberaba) também apreendeu aproximadamente 20 quilos de drogas, entre maconha e cocaína, além de uma pistola, revólveres calibres 38 e 33 e mais de 100 munições. Nos alvos das ações ocorridas nos municípios de Itaberaba, Mundo Novo, Ruy Barbosa, Campo Formoso e Jacobina, também foram encontrados aparelhos celulares, balanças de precisão, binóculos, além de outros dispositivos eletrônicos. O coordenador da 12a Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), delegado Geraldo Adolfo, avalia o resultado. “Tivemos 29 mandados de prisão cumpridos, dos 32 decretados. Esse material aprendido passará por perícia. Os celulares e os outros eletrônicos poderão contribuir para a coleta de novas informações, que nos leve a outros envolvidos. A desarticulação desse grupo impactará na expressiva redução dos crimes contra e vida e o tráfico de drogas nesta região”, contabilizou. Participam da operação  policiais da Coordenação de Operações Especiais (Coe), das Coordenadorias Regionais de Polícia do Interior (Coorpins) de Feira de Santana, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus, Santo Amaro, Jequié, Seabra e Irecê, a Coordenação de Apoio Tático a Investigação (Cati) do Departamento de Polícia do Interior (Depin), de Irecê, Central e Leste, unidades da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Semiárido e Chapada), 11a Batalhão de Polícia Militar (BPM/Itaberaba) 42a Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Lençóis) 98a CIPM/Ipirá e Cippa/Lençóis.

  • Publicado aviso de licitação para construção de 3 quadras poliesportivas em Igaporã

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    25/11/2021 - 14:06


    POLICIAL

    - Mais um importante passo foi dado na luta da deputada Ivana Bastos e do prefeito de Igaporã, Neto Cotrim, para assegurar a construção de quadras poliesportivas no município. A Superintendência dos Desportos da Bahia (Sudesb) publicou no Diário Oficial do Estado, o aviso de licitação para a contratação de empresa que executará as obras de construção das quadras poliesportivas nas comunidades de Gurunga, Lajedo Velho e no bairro Alto da Varginha, na sede. A obra vai contar com um investimento no valor de R$ 2 milhões. A intervenção representa mais um compromisso da deputada Junto ao prefeito com a população da cidade, buscando garantir mais conforto, bem-estar e fortalecimento das atividades esportivas. “Levamos essa reivindicação ao governador Rui Costa e, prontamente, fomos atendidos”, expressou Ivana Bastos, dizendo ainda que segue atenta aos próximos passos na certeza de que muito em breve irá comemorar mais essa conquista para Igaporã. As empresas interessadas em participar do certame têm até o meio-dia do dia 17 de dezembro deste ano para enviar as propostas. O edital encontra-se disponível no site www.comprasnet.ba.gov.br, ou através do telefone 3116-9114 ou contato por meio do endereço eletrônico- [email protected]

     

  • Considerado um dos homens mais perigosos da Bahia, criminoso é preso no interior do estado

    Foto: Divulgação | SSP-BA Foto: Divulgação | SSP-BA
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    17/11/2021 - 12:00


    POLICIAL

    - Foi preso na noite de terça-feira (16), na cidade de São Francisco do Conde, no recôncavo baiano, Ramon Souza Ribeiro, mais conhecido como “Banha”, o 5 de ouros do baralho do crime da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), considerado um dos criminosos mais perigosos da Bahia. Segundo informações da Polícia Militar (PM) reproduzidas pelo site G1, Banha era procurado por inúmeros homicídios e por atividades ilícitas envolvendo tráfico de drogas. Segundo a PM, a prisão do criminoso foi viabilizada mediante uma denúncia anônima, que informou onde o criminoso estava homiziado. Ao ser dado voz de prisão ao traficante, este último juntamente com um comparsa desferiram diversos tiros de arma de fogo contra os policiais, que tiveram que revidar, porém, os resistentes ficaram feridos durante o confronto, sendo socorridos e, em seguida, conduzidos para a Delegacia Judiciária de São Francisco do Conde. Ainda de acordo com a PM, Banha atuava em Candeias, cidade que integra a zona metropolitana de Salvador.

  • Vocalista pioneiro do Calcinha Preta é encontrado morto com golpes de faca

    Foto: Reprodução      Foto: Reprodução
    Por Gabriel Amorim

    07/11/2021 - 09:00


    Sidney Chuchu esteve na primeira formação da banda, de 1995 a 1998, quando cantou ao lado de Luciana Linhares

    POLICIAL

    - O cantor José Aparecido da Silva, de 57 anos, ex-vocalista da banda Calcinha Preta, foi morto a golpes de faca dentro de sua casa, na cidade de Nossa Senhora do Socorro, em Sergipe. Mais conhecido como Sidney Chuchu, o corpo dele foi encontrado já sem vida por vizinhos. Sidney Chuchu esteve na primeira formação da banda, de 1995 a 1998, quando cantou ao lado de Luciana Linhares. Atualmente ele era cantor e em bares da Grande Aracaju. O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) já iniciou as investigações e deve chegar à autoria do crime nos próximos dias.

  • Bahia: Polícia cumpre mandados de prisão em ação de combate à violência de gênero e crimes contra a vida

    Foto: Reprodução | Polícia Civil Foto: Reprodução | Polícia Civil
    Por Gabriel Amorim

    15/10/2021 - 09:30


    Ação acontece simultaneamente em todo estado

    POLICIAL

    - A Polícia Civil, por meio do Departamento de Polícia do Interior (Depin), deflagrou na manhã desta sexta-feira (15), a segunda fase da Operação Unum Corpus, com o objetivo de coibir os diversos crimes nos municípios do interior baiano. Centenas de policiais de todas as 26 Coordenadorias cumprem mandados de prisão relativos a práticas criminosas que vão desde o crime contra a vida à violência de gênero. A diretora do Depin, delegada Rogéria Araújo destacou o principal objetivo das ações. “Com o sentimento de pertencimento e união traduzido no próprio título dessa operação, estamos mais uma vez realizando ações com o objetivo principal de coibir à criminalidade e à violência no interior da Bahia”, afirmou. As ações visam o combate a crimes que vão, desde os praticados contra o patrimônio e de gênero, até o tráfico de drogas e os violentos letais intencionais. A diretora do Depin acrescenta. “A população também pode ajudar denunciando no Disque Denúncia da Secretaria da Segurança (SSP), ligando para o 181. Não precisa se identificar”, informou. 

  • Ônibus cai em barranco e deixa quatro mortos em Minas Gerais

    Foto: Divulgação | Corpo de Bombeiros Foto: Divulgação | Corpo de Bombeiros
    Por Luís Barros

    03/10/2021 - 19:00


    Acidente ocorreu por volta de 23h em local sinuoso, de pista simples e em momento de intensa chuva na BR-116, em Leopoldina

    POLICIAL

    - Um bebê de apenas 1 ano e 1 mês e três mulheres – duas delas de 48 e 65 anos –  morreram em um trágico acidente envolvendo um ônibus da Viação Gontijo, que despencou de uma ribanceira de 150 metros de profundidade na BR-116, em Leopoldina, Minas Gerais, na noite de ontem (2). Outros 49 ocupantes ficaram feridos. No entanto, o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) havia informado pela manhã deste domingo (3) que oito pessoas haviam morrido. O número de óbitos, porém, foi retificado nesta tarde. O acidente ocorreu por volta das 23h e chovia bastante na hora. Conforme publicação do jornal 'O Estado de Minas' a região é sinuosa e conta apenas com pistas simples. Na altura do KM 776, o veículo de transporte perdeu o controle e atravessou uma curva caindo no barranco íngreme e capotando. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), o ônibus fazia a linha Santo Amaro (SP) a Ubatã (BA), transportando 46 adultos pagantes. Também estavam dentro do veículo – além do bebê que veio a óbito – cinco crianças e o motorista.

  • Polícia mata terceiro suspeito de participar do assassinato de tenente da Rondesp

    Foto: Reprodução | Redes Sociais Foto: Reprodução | Redes Sociais
    Por Rodrigo Meneses

    20/09/2021 - 08:00


    Outra dupla que também teria participado do crime contra o policial foi morta na última quarta-feira (15) pelos policiais

    POLICIAL

    - Agentes da Polícia Militar mataram um terceiro suspeito de participar do assassinato do tenente Mateus Grec Carvalho Marinho Queiroz, morto no último domingo (12), no bairro de Cosme de Farias. Outra dupla que também teria participado do crime contra o policial foi morta na última quarta-feira (15) pelos policiais. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a última ação ocorreu após uma troca de tiros, em confronto, na noite de sábado (18), no bairro do Arraial do Retiro. De acordo com o comandante das Rondas Especiais (Rondesp) Atlântico, major Valdino Sacramento, os policiais foram recebidos com tiros de arma de fogo. Então, eles reagiram da mesma forma e, durante o confronto, o suspeito foi atingido e morto. Com o suspeito, ainda de acordo com a SSP, foram apreendidos um revólver calibre 38, cinco munições, 27 porções de cocaína, 15 trouxas de maconha e 16 embalagens pequenas da mesma droga. Foi descoberto que já tinha passagem na polícia por receptação de veículo. O suspeito é o terceiro morto pela polícia, após o assassinato do tenente Grec. Na última quarta-feira (15), três dias após a morte do tenente, uma dupla suspeita de ter cometido o crime também foi morta em troca de tiros com o Batalhão de Choque e Rondesp Central. O flagrante ocorreu no bairro de Sussuarana, após uma denúncia anônima.

  • PM baiano é morto por engano em ação da Polícia Civil de Pernambuco

    Foto: Reprodução | Arquivo Pessoal Foto: Reprodução | Arquivo Pessoal
    Por Gabriel Amorim

    14/09/2021 - 13:00


    Soldado foi o terceiro policial morto em três dias

    POLICIAL

    - O soldado da Polícia Militar da Bahia Joanilson da Silva Amorim morreu após ser baleado por três tiros, na noite desta segunda-feira (13), em Petrolina, no estado de Pernambuco.   O crime ocorreu próximo à residência do policial militar da Bahia, no bairro Jardim São Paulo. De folga, Joanilson foi chamado por vizinhos, por volta das 18h, para ajudar na captura de suspeitos que fugiam após invadirem imóveis do bairro. Após a chegada dos policiais civis de Pernambuco, o soldado foi confundido com um dos criminosos, e foi baleado com três tiros, que atingiram cabeça, braço e perna. O policial não resistiu aos ferimentos. Petrolina  faz divisa com Juazeiro, no norte da Bahia, onde Joanilson era lotado, na 75°CIPM. O policial foi morto por engano por policiais civis de Pernambuco, que o confundiram com um criminoso. Joanilson é o terceiro PM morto em três dias. No sábado (11), um soldado foi morto em Porto Seguro. Já o tenente Mateus Grec morreu a serviço no bairro de Cosme de Farias, em Salvador na noite de domingo (12).

  • Suspeito de integrar grupo de assalto a bancos na Bahia é preso em Feira; ordem judicial foi expedida pela Comarca de Caetité

    Foto: Reprodução |  Haeckel Dias Foto: Reprodução | Haeckel Dias
    Por Redação do Sudoeste Bahia

    11/08/2021 - 16:00


    O homem é suspeito de integrar um grupo responsável pelo o ataque à uma agência do Banco do Brasil da cidade de Lagoa Real

    POLICIAL

    - Foi preso na noite de terça-feira (10), na cidade de Feira de Santana, um homem de 32 anos de idade, que é suspeito de integrar um grupo de criminosos, que realizou diversos assaltos a bancos na Bahia. De acordo com informações da Polícia Civil (PC), o homem foi preso por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-116, após troca de informações entre a PRF e a Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (Cati/Depin). O suspeito tinha uma ordem judicial expedida pela Comarca de Caetité. Com a prisão de ontem, a polícia cumpriu o sétimo mandado de prisão contra a quadrilha, que promoveu diversos ataques à instituições financeiras no estado, o que incluiu a explosão de uma agência do Banco do Brasil, na cidade de Lagoa Real, ocorrida no dia 06 de março deste ano.

  • Polícia impõe sigilo de 15 anos a dados de operação que matou Lázaro

    Foto: Reprodução | SSP Foto: Reprodução | SSP
    Por Gabriel Amorim

    25/07/2021 - 11:00


    Justificativa é que divulgação pode atrapalhar futuras operações

    POLICIAL

    - Os dados da operação policial que matou Lázaro Barbosa estão sob sigilo por quinze anos. A determinação é da Polícia Civil de Goiás e foi  divulgada em resposta a um pedido de dados realizado pelo Correio Braziliense sobre a operação. A justificativa dada pela polícia é de que a divulgação dos dados neste momento pode colocar em risco a instituição e atrapalhar futuras operações. No pedido realizado pelo veículo de imprensa, via Lei de Acesso à Informação (LAI), e endereçado às Secretarias de Segurança Pública de Goiás e do Distrito Federal, foram solicitadas informações como valor investido na operação, o tamanho da área monitorada pelas autoridades nas buscas e os gastos com combustível por viaturas e helicópteros. Na resposta, divulgada pelo Correio Braziliense, o delegado-geral adjunto Deusny Silva Filho argumentou que a divulgação das informações iria expor os equipamentos de que a instituição dispõe para investigação e operações policiais, a estratégia e os recursos usados, bem como projetos futuros.

  • Após resultado positivo em SP, polícia da Bahia estuda implantar câmeras nas fardas

    Foto: Divulgação | SSP-BA Foto: Divulgação | SSP-BA
    Por Adele Robichez

    16/07/2021 - 13:30


    Com inclusão da tecnologia nos batalhões, houve queda de 54% nas mortes por intervenção policial

    POLICIAL

    - Após o resultado positivo em São Paulo, a polícia da Bahia está cogitando aderir, também, às câmeras nas fardas dos agentes. Nesta quinta-feira (15), uma comitiva da Secretaria de Segurança Pública do estado (SSP-Ba) foi apresentada ao equipamento. O Grupo de Trabalho encerra a visita nesta sexta-feira (16). Em São Paulo, com a inclusão da tecnologia nos batalhões, houve uma queda de 54% nas mortes por intervenção policial de maio para junho deste ano. A partir das câmeras, os comandantes podem acompanhar todas as ações das equipes nas ruas, em tempo real. Elas ficam ligadas durante o turno de trabalho dos policiais, sem opção de desligamento. Com o advento, o que é gravado pode ser usado como provas em processos na Justiça. O secretário da Segurança Pública da Bahia, Ricardo Mandarino, informa que “esse tipo de equipamento produzirá imagens que serão usadas para defender o policial e também para corrigir as falhas”. Segundo a SSP, a reunião na Bahia teve o objetivo de analisar a funcionalidade das câmeras. Os policias militares e civis, além de bombeiros e corregedores baianos puderam assistir a uma apresentação da tecnologia, com exposição de confrontos reais. O próximo passo, ainda de acordo com a secretaria, será a confecção de um relatório sobre a utilização do equipamento e a aplicação pela polícia da Bahia.

  • Casal e idosa são presos em operação de combate ao tráfico no extremo sul da Bahia

    Foto: Divulgação | Polícia Civil Foto: Divulgação | Polícia Civil
    Por Augusto Romeo

    22/06/2021 - 12:00


    Segundo o delegado titular da DT/Itamaraju, as apurações indicam que a filha e o genro da senhora presa são responsáveis por distribuir drogas no município

    POLICIAL

    - Um casal foi preso em flagrante por tráfico de drogas no município de Itamaraju, no extremo sul da Bahia. Nesta mesma operação uma idosa também foi presa por posse ilegal de arma de fogo. A ação policial foi deflagrada com base nas apurações realizadas pela equipe da Delegacia Territorial (DT) de Itamaraju. A operação no bairro do Marotinho resultou na apreensão de R$ 2.269 em espécie, além de 519 porções de crack, uma espingarda, uma balança e celulares. Todo o material apreendido será encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), para ser submetido à perícia. As investigações devem continuar, com o objetivo de prender outros envolvidos.O titular da DT/Itamaraju, delegado Rui Pinheiro de Sousa, explicou que os endereços alvos das equipes policiais foram levantados como pontos de armazenamento e distribuição dos entorpecentes. No imóvel no qual a droga foi apreendida, um casal acabou preso em flagrante. “Eles foram autuados na unidade policial e devem ser encaminhados à audiência de custódia da Justiça”, declarou o delegado. O homem também é investigado por uma tentativa de homicídio. Já a espingarda estava escondida sobre o telhado de um cômodo nos fundos da casa de uma idosa de 61 anos. “As apurações indicam que a filha e o genro dessa mulher são os responsáveis pela distribuição de drogas, naquele bairro”, completou o titular.

  • Para chefe da força-tarefa, Lázaro repete padrão de fuga feita há 13 anos em Barra do Mendes

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    Por Rodrigo Meneses

    17/06/2021 - 17:15


    Em 2008, Lázaro fugiu durante 15 dias após matar duas pessoas e se escondeu numa região de serra

    POLICIAL

    - O secretário de segurança pública de Goiás, Rodney Miranda, disse que o maníaco Lázaro Barbosa Sousa, de 32 anos, repete o mesmo padrão de fuga realizado em 2008 em Barra do Mendes, no noroeste da Bahia, quando matou duas pessoas. Na época, ele fugiu por 15 dias, quando ficou escondido na serra e em grutas da região. Com fome e temendo ser morto, ele se entregou à polícia. De acordo com o secretário, as equipes de Inteligência identificaram um padrão, na atuação do suspeito, que está sendo analisado. “Temos informações de que esse modus operandi [forma de atuação] dele já se repetiu alguns anos atrás na Bahia e ele ficou 15 dias no meio do mato, sem comida e sem água”, disse. “Nós estamos acreditando que ele está mantendo o padrão, mas está cada dia mais desgastado e cometendo erros, e é nesses erros que nós vamos pegar ele”, completou. Mais de 200 policiais fazem as buscas pelo suspeito na zona rural de Cocalzinho de Goiás. Em entrevista à TV Bahia nesta quinta-feira (17), o sargento da reserva da PM, Valter Lourenço, que comandou as buscas à Lázaro Barbosa, relembrou o cerco. Ele contou que vaqueiros e lavradores da região ajudaram. Um deles apontou o local na serra onde Lázaro tinha um acampamento usado por ele quando saía para caçar. Quando a polícia chegou ao local, encontrou colchão, coberta e objetos para preparar comida. Os policiais destruíram o acampamento e poucos dias depois Lázaro se entregou. À época, quatro PMs iniciaram as buscas, depois do sétimo dia receberam reforço. Assim como em 2008, Lázaro também conhece a região por onde está se escondendo. Rodney Miranda voltou a dizer que o foco da força-tarefa é impedir que o suspeito, considerado de alta periculosidade, faça novas vítimas. “Ele não vai se entregar, conhece a região como ninguém, principalmente as grotas, e tem um poder de mobilidade muito grande. Nós estamos lidando com um psicopata, uma pessoa que, se puder, vai ter reféns e vai matar. Então a nossa intenção é não deixar ele fazer mais vítimas”, enfatizou. Lázaro está fugindo desde o dia 09 passado, depois de matar quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia (DF). 

  • Suspeito de matar médico deu queixa do desaparecimento e era amigo da vítima

    Foto: Reprodução | Redes Sociais Foto: Reprodução | Redes Sociais
    Por Rodrigo Meneses

    29/05/2021 - 11:00


    O também médico Geraldo Freitas de Carvalho Júnior (lado esquerdo da foto) registrou a queixa de desaparecimento do amigo e entrou em contradição várias vezes

    POLICIAL

    - O médico Geraldo Freitas de Carvalho Júnior é o principal suspeito de matar o também médico Andrade Lopes Santana, 32 anos, cujo corpo foi encontrado na manhã de sexta-feira (28) no Rio Jacuípe, no município de São Gonçalo dos Campos. Geraldo foi quem prestou a queixa do desaparecimento de Andrade na última terça-feira (25), um dia após o sumiço. No entanto, a polícia encontrou diversas contradições nas informações prestadas por ele em comparação com os rumos da investigação. Por isso, solicitou o pedido de prisão temporária de 30 dias, que foi acatado pela Justiça. Segundo o delegado Roberto Leal, coordenador da 1ª Coorpin (Feira de Santana), Geraldo disse que marcou um encontro com Andrade para andar de moto aquática no Rio Jacuípe, mas o amigo não compareceu. No entanto, câmeras de segurança na região mostram o carro de Andrade chegando. “O suspeito disse que não encontrou Andrade e as imagens do circuito (de câmeras) das barracas no local próximo ao rio verificam a chegada do carro de Andrade e depois quando as investigações prosseguiram, a gente encontrou uma testemunha que viu esse suspeito na posse do veículo que pertencia a Andrade, já no dia 24 à tarde”, explicou o delegado ao Metro1. Outro indício da ligação de Geraldo com o assassinato é que ele comprou uma âncora, do mesmo tipo que foi encontrada amarrada ao corpo da vítima. “Depois que o corpo foi encontrado com a âncora, a gente já tinha a informação que esse médico havia comprado uma âncora e só foi a gente juntar essas informações e indicar a autoria dele”, relata o delegado. Emboscada - Para Roberto Leal, o convite para o passeio de moto aquática no Rio Jacuípe se trataria da emboscada para cometer crime. Mas a polícia ainda não tem uma motivação definida. “O que nós temos são suspeitas das motivações e vamos aprofundar as investigações para tentar entender”, declara. “O que a gente sabe é que, provavelmente, a vítima foi morta com um disparo de arma de fogo na nuca e depois o corpo foi amarrado numa âncora e jogado no Rio Jacuípe”, completa.O médico Geraldo Júnior preferiu ficar em silêncio após a prisão. Andrade Lopes era do Acre, não tinha parentes na Bahia e trabalhava nas cidades de Araci, Tucano, São Domingos e Jorro. Atirador - Em seu perfil no Instagram, Geral Júnior se define como médico, atirador esportivo, católico temente a Deus, flamenguista e "pai" de uma cachorra.