Sudoeste Notícias


  • Após prisão de Lula, PT segue como partido favorito do eleitor, diz Datafolha

    Foto: Ricardo Stuckert | InstitutoLula
    Foto: Ricardo Stuckert | InstitutoLula
    Por Alexandre Galvão

    24/04/2018 - 07:00

    A prisão do ex-presidente Lula não alterou a predileção do eleitorado brasileiro pelo PT, de acordo com o Datafolha. Pesquisa divulgada nesta terça-feira (24) mostra que 20% dos entrevistados têm simpatia pelo partido.  A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Os demais partidos registram índices bem menores. Em segundo lugar aparece o MDB, citado por 4% dos entrevistados; depois vêm PSDB (3%) e PDT e PSOL (1% cada um). As demais siglas não pontuaram. O PT é o partido preferido dos brasileiros desde 1999. Teve seu melhor desempenho em março de 2013, quando foi mencionado por 29% dos entrevistados. Nos anos seguintes, com os escândalos de corrupção nos governos petistas revelados pela Lava Jato, a simpatia pelo partido desabou. O pior resultado nesse período veio em dezembro de 2016, após o impeachment de Dilma Rousseff, quando o partido teve 9% das menções.