• PT pede que Bolsonaro seja investigado por suposta disseminação de conteúdo falso

    Foto: Divulgação
    Foto: Divulgação
    Por Alexandre Galvão

    18/10/2018 - 16:00

    Segundo o pedido de investigação, a sistematização dos conteúdos falsos mostra o possível envolvimento da campanha de Bolsonaro e Mourão na disseminação das notícias

    A coligação O Povo Feliz de Novo, do candidato à Presidência Fernando Haddad (PT) hoje (17) à Polícia Federal (PF) que a corporação investigue a campanha do candidato Jair Bolsonaro (PSL) e de seu vice, general Hamilton Mourão, pela suposta disseminação de conteúdo falso na internet. De acordo com o G1, no documento, a coligação liderada pelo PT afirma que, apesar das tentativas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de tirar várias publicações do ar, as mentiras já se tornaram sistêmicas e dão a sensação de que, tanto a coligação como o Poder Judiciário, estão "enxugando gelo". Segundo o pedido de investigação, a sistematização dos conteúdos falsos mostra o possível envolvimento da campanha de Bolsonaro e Mourão na disseminação das notícias. "Ora, não é crível atribuir apenas à militância orgânica dos noticiados a capacidade de produzir e disseminar com tamanha eficácia todas as notícias falsas editadas em detrimento da coligação noticiante", afirma a chapa de Haddad.

MAIS NOTÍCIAS