BUSCA PELA CATEGORIA "Economia"

  • Petrobras anuncia segundo aumento consecutivo no preço da gasolina

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Alexandre Galvão

    20/02/2018 - 14:43

    Em dois dias, dois aumentos. A Petrobras anunciou nesta terça-feira (20) uma nova subida de preço da gasolina. Segundo a companhia, o combustível sairá 1,8% mais caro para as refinarias. Já o preço do diesel terá redução de 0,05%, de acordo com o UOL. Na segunda (19), a petrolífera promoveu aumento de 1,82% no valor da gasolina, e elevou em 1,5% o preço do diesel nas refinarias.

  • Novas propostas de ajuste têm efeito mais imediato que reforma, diz Meirelles

    Foto: Antônio Cruz | Agência Brasil Foto: Antônio Cruz | Agência Brasil
    Por Agência Brasil

    19/02/2018 - 22:40

    As 15 medidas microeconômicas e de ajuste fiscal que pretendem aumentar a produtividade serão mais eficazes, no curto prazo, que a reforma da Previdência para elevar o crescimento do país e melhorar as contas públicas, disse hoje (19) o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Ele confirmou que a mudança no regime de aposentadorias e pensões é a principal medida necessária para destravar a economia, mas disse que o país pode esperar para aprovar a reforma enquanto durar a intervenção federal no Rio de Janeiro.“Em primeiro lugar, é importante dizer que a reforma da Previdência não é algo para fazer efeito no curto prazo. Ela faz efeito ao longo dos anos e é fundamental para a estabilidade do país no futuro. O efeito imediato é de várias medidas fiscais que podem ter efeito para 2018 maior que o da Previdência. A Previdência é a proposta mais fundamental, mas tem efeito cumulativo. Essas medidas [de ajuste fiscal e de aumento da produtividade] equacionam solução de curto prazo do Brasil”, explicou Meirelles.De acordo com o ministro da Fazenda, o fato de o adiamento da votação da reforma da Previdência não ter provocado turbulências no mercado financeiro mostrou que os investidores entenderam a urgência da intervenção federal no Rio de Janeiro. “A reação do mercado foi positiva, no sentido que os preços não se alteraram no dia em que foi anunciada a intervenção no Rio de Janeiro. Houve um entendimento claro na necessidade da intervenção”, acrescentou.

  • Petrobras anuncia alta de 1,50% no preço da gasolina

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    16/02/2018 - 11:46

    A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 1,50% no preço da gasolina nas refinarias e queda de 0,80% no do diesel. Os novos valores valem a partir deste sábado (17) A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho de 2017. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores. Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.

  • Preço da gasolina cai nos postos após 14 semanas

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Alexandre Galvão

    16/02/2018 - 09:01

    O preço médio da gasolina teve a primeira queda em 14 semanas, de acordo com o anúncio da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta quinta-feira (15). O valor médio por litro passou de R$ 4,221 para R$ 4,212 na semana encerrada no dia 10. No acumulado de 2018, o custo do produto nas bombas acumula alta de 2,75%. O diesel também terminou a semana em queda, e passou de R$ 3,395 para R$ 3,388, ainda segundo a ANP. O valor representa recuo de 0,2% na semana. No ano, o diesel acumula alta de 1,86% para o consumidor final. A ANP fez um levantamento dos preços em 459 localidades para chegar ao resultado.

  • Petrobras anuncia redução do preço da gasolina em 3% nas refinarias

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Alexandre Galvão

    08/02/2018 - 18:42

    Em meio à discussão sobre a formação do preço dos combustíveis nos postos país afora, a Petrobras anunciou nesta quinta-feira (8) a maior redução dos valores da gasolina e do diesel combustível de 2018. A partir desta sexta (9), os novos preços estarão 3% (gasolina) e 2,6% (diesel) mais baratos nas refinarias. O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, pediu ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) que apure o motivo de as constantes quedas dos preços dos combustíveis não serem repassadas para os consumidores. “De fato hoje encaminhamos ao presidente do Cade uma solicitação para que a nova política que está sendo implementada pela Petrobras gere as consequências no bolso do consumidor; do brasileiro”, disse Moreira.

  • Produção industrial da Bahia fecha ano com a maior queda do Brasil

    Foto: Carlos Casaes | Agência A Tarde Foto: Carlos Casaes | Agência A Tarde
    Por Matheus Simoni

    08/02/2018 - 12:36

    A produção industrial da Bahia fechou o ano passado com queda de 1,7%, segundo a Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF) Regional, divulgada nesta quinta-feira (8), pelo IBGE. De acordo com o órgão, o recuo foi o maior entre as 15 áreas que integram o censo. O resultado aponta que a produção industrial baiana teve o quarto ano consecutivo de queda, ainda que o ritmo de deflação tenha diminuído. A trajetória negativa começou em 2014, quando o setor no estado fechou em -2,6%; chegou ao nível mais baixo em 2015, com queda de 6,9%; e depois teve dois anos de redução na intensidade do recuo, com -5,1% em 2016 e -1,7% do ano passado.

  • Petrobras baixa preço da gasolina nas refinarias

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    07/02/2018 - 14:51

    A Petrobras anunciou nesta quarta-feira (7) um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 1,50% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 0,70% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir desta quinta-feira (8).  A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho do ano passado. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

  • Petrobras anuncia novo aumento de preço na gasolina

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Alexandre Galvão

    05/02/2018 - 09:00

    Prepare o bolso! A Petrobras anunciou novo aumento no preço da gasolina. De acordo com a empresa, o valor será aumentado em 0,5%. O Diesel, por sua vez, será aumentado também em 0,6%. De acordo com a última pesquisa da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o valor médio por litro, entre os dias 21 e 27 de janeiro, passou de R$ 4,183 para R$ 4,198, uma elevação de 0,35%. Na mesma semana, a Petrobras baixou o preço do combustível nas refinarias em 0,52%, de acordo com a política de correção quase diária nos preços com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. A redução, no entanto, não chegou para o consumidor final e depende dos postos para ser implementada. No Rio, o valor máximo da gasolina já supera R$ 5,099. O preço médio nas bombas é de R$ 4,652. A política foi adotada pela Petrobras em julho de 2017, mesmo mês em que o governo elevou os impostos sobre os combustíveis. Desde então, o preço médio da gasolina para o consumidor final calculado pela ANP já acumula alta de 22,9%.

  • Últimos dias para pagar IPVA 2018 com 10% de desconto

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    31/01/2018 - 22:32

    Chega à reta final o prazo para aproveitar o desconto de 10% no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), exercício 2018. Válido para pagamento à vista em cota única, o abatimento está disponível até 7 de fevereiro. Os motoristas podem também optar pelo desconto de 5% para quitação do valor integral no dia do vencimento da primeira das três cotas do parcelamento padrão do IPVA, data que varia de acordo com o número final da placa do veículo. É possível ainda parcelar em três vezes, bastando para isso observar a data de vencimento da primeira cota. As datas estão escalonadas em tabela divulgada pela Secretaria da Fazenda do Estado  (Sefaz-BA) e disponível no site da pasta. O proprietário que perder o prazo da primeira cota deixa de ter o direito ao parcelamento em três vezes. O pagamento pode ser feito em qualquer agência do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, bastando apenas apresentar o número do Renavam. Os débitos referentes à taxa de licenciamento e às multas de trânsito deverão ser pagos até a data de vencimento da terceira parcela. Os débitos anteriores do IPVA ainda não notificados também podem ser divididos em três vezes, juntamente com o IPVA 2018. Já o seguro obrigatório deve ser pago integralmente até o vencimento da primeira parcela do imposto, em caso de parcelamento do IPVA. O pagamento do tributo referente a embarcações e aeronaves deverá ser efetuado até 30 de maio de 2018. O IPVA é a segunda fonte de arrecadação tributária do Governo do Estado. A frota tributável da Bahia é de cerca de 1,9 milhão de veículos. O valor arrecadado é dividido meio a meio com o município em que o veículo foi emplacado. Todas as informações poderão ser consultadas no site da Sefaz-BA ou por meio do call center da secretaria, pelo 0800 071 0071.

  • Petrobras baixa preços da gasolina e diesel em fevereiro

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Alexandre Galvão

    31/01/2018 - 10:05

    Se hoje, ao abastecer, o cidadão toma um susto com o preço do combustível, em fevereiro o negócio deve melhorar um pouco de figura. De acordo com a Exame, a Petrobras reduzirá os preços do diesel em 1,4 por cento e a gasolina em 1,5 por cento nas refinarias a partir desta quinta-feira, dia 1º de fevereiro, de acordo com comunicado publicado em seu site. Os reajustes fazem parte da nova sistemática de formação de preços da companhia, em vigor desde julho do ano passado.

  • Aneel propõe aumento superior a 13% para contas de luz na Bahia

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Clara Rellstab

    30/01/2018 - 12:05

    A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) propôs nesta terça-feira (30) aumentos médios de mais de 13% para as tarifas de energia dos consumidores da Bahia – os estados de Sergipe e Rio Grande do Norte também foram contemplados com o acréscimo. De acordo com a proposta, as tarifas de energia da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) devem ter reajuste médio de 15,01%. Para os consumidores residenciais, o aumento médio proposto é de 15,48%. Já para a indústria, é de 13,88%.

  • Petrobras anuncia novo aumento no preço da gasolina

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    29/01/2018 - 11:32

    A Petrobras vai aumentar o preço da gasolina nas refinarias em 0,1% e o do diesel em 0,8% nesta terça-feira (29), informou a estatal em comunicado no seu site. Na semana passada, a empresa promoveu dois cortes seguidos no preço da gasolina. Os reajustes fazem parte da nova sistemática de formação de preços da petroleira, em vigor desde julho do ano passado e que prevê alterações quase que diárias nas cotações dos combustíveis.

  • Bandeira tarifária permanece verde, e conta de luz fica sem taxa extra em fevereiro

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    26/01/2018 - 23:20

    A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) confirmou nesta sexta-feira (26) que a bandeira tarifária de fevereiro continuará verde, o que significa que não haverá cobrança extra nas contas de luz. A manutenção da bandeira verde havia sido anunciada pelo diretor-presidente da agência, Romeu Rufino, na última terça-feira (23). Segundo Rufino, o volume de chuvas nos meses de dezembro e janeiro permitiu a manutenção da bandeira verde, por causa da melhora no nível dos reservatórios das hidrelétricas. As bandeiras tarifárias amarela e vermelha, com cobrança adicional na conta de luz, são acionadas quando as termelétricas a gás, mais caras, precisam ser colocadas em funcionamento para produção de energia elétrica. Em outubro e novembro de 2017, vigorou a bandeira vermelha patamar 2, a mais alta prevista pela agência. Em outubro, o acréscimo foi de R$ 3,5 a cada 100 kilowatt/hora (kWh) consumidos no mês. Em novembro, o valor adicional, reajustado pela agência, passou para R$ 5 a cada 100 kWh. Já em dezembro, em razão do início do período chuvoso, a agência reguladora determinou a cobrança da bandeira vermelha patamar 1, com cobrança extra de R$ 3,00 a cada 100 kWh.

  • Conta de luz deve seguir com bandeira verde em fevereiro

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Laura Lorenzo

    23/01/2018 - 20:02

    A bandeira tarifária verde deve continuar em vigor durante o mês de fevereiro, conforme anunciou nesta terça-feira (23) o diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino. Com a vigência da bandeira verde, não há cobrança adicional nas contas de luz. De acordo com o diretor, o volume de chuvas nos meses de dezembro e janeiro, considerado dentro do normal, permitiu que a redução na cobrança da conta fosse feita. Ainda segundo ele, a expectativa é de manutenção desse cenário. “Até agora, não tem nada que aponte em sentido contrário”, afirmou. No início de janeiro, o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, já havia informado que a expectativa é de que a tarifa de energia elétrica permaneça na bandeira verde até o fim do primeiro trimestre deste ano.

  • Preço da gasolina cai 1,4% e diesel 0,2%, anuncia Petrobras

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    Por Matheus Morais

    22/01/2018 - 10:27

    Um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 1,4% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 0,2% no preço do diesel foi anunciado pela Petrobras. Os novos valores passam a valer a partir desta terça-feira (23). A estatal divulgou a nova política de revisão de preços no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a companhia espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores

  • Botijão de gás de cozinha ficará mais barato nas refinarias

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    18/01/2018 - 10:13

    A diretoria executiva da Petrobras aprovou, conforme comunicado divulgado nesta quinta-feira (18), a revisão da política de preços do GLP de uso residencial, comercializado em botijões de até 13 quilos, com novos critérios e uma regra de transição para 2018, que já reduzirá os preços nas refinarias em 5%. A queda, que entra em vigor amanhã (19), levará o preço médio de GLP residencial sem tributos, comercializado nas refinarias da Petrobras, a R$ 23,16 por botijão de 13 quilos. A estatal ressalta, no entanto, que a lei brasileira garante a liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados. Assim, o preço final ao consumidor depende das distribuidoras e revendedores. No ano passado, o botijão de gás registrou um aumento de 16% e representou um dos principais impactos no Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

  • Petrobras anuncia queda de 0,50% no preço da gasolina e alta de 0,20% no diesel

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    17/01/2018 - 09:48

    A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 0,50% no preço da gasolina nas refinarias e aumento de 0,20% no do diesel. Os novos valores valem a partir da quinta-feira (18). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho de 2017. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

  • Petrobras anuncia queda de 0,60% no preço da gasolina e recuo de 0,40% no diesel

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    16/01/2018 - 11:18

    A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 0,60% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 0 40% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir da quarta-feira (17). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

  • Preços da gasolina e do diesel sobem nesta sexta nas refinarias

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    12/01/2018 - 13:06

    Os preços da gasolina e do diesel, comercializados nas refinarias, aumentaram nesta sexta-feira (12) 1,4% e 0,7% respectivamente, de acordo com informação da Petrobras. Para este sábado (13), a empresa já anunciou nova variação nos preços dos dois combustíveis, que terão redução de 0,7%. As variações de preço fazem parte de reajustes frequentes praticados pela Petrobras, “em busca de convergência no curto prazo com a paridade do mercado internacional”, segundo a estatal. O preço final ao consumidor, nas bombas, dependerá de cada empresa revendedora e dos próprios postos de combustíveis. O histórico das últimas variações praticadas pela Petrobras está disponível na página da companhia na internet.

  • Petrobras anuncia alta de 0,70% no preço da gasolina e queda de 0,20% no diesel

    Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia Foto: Jorge Santana | Sudoeste Bahia
    09/01/2018 - 20:46

    A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com aumento de 0,70% no preço da gasolina nas refinarias e queda de 0,20% no do diesel. Os novos valores valem a partir da quarta-feira (10). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores. Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais.