voltar ao topo

Caetité/BA ºMIN/ºMAX

Sudoeste Bahia

últimas notícias:

Governador entrega creches e tratores em Guanambi

Rui inaugura novo SAC de Guanambi que beneficia mais de 160 mil pessoas

Criminosos invadem e furtam residência no bairro Prisco Viana em Caetité

Tony Show Informa - Entrevista o Governador Rui Costa

Prefeitura entrega revitalização do canteiro central da Avenida Santos Dumont em Palmas de Monte Alto

Homem sofre atentado em Conquista; veículo é perfurado por 12 tiros

Governo reconhece situação de emergência em Caetité, Vitória da Conquista, Andaraí e Mairi

Lavrador é preso por agredir companheira a pauladas em Urandi

Vazamento de esgoto incomoda moradores da Rua Jorge Amado em Caetité

Jovem é flagrado praticando direção perigosa e tem moto apreendida em Caetité

TSE determina que PT terá que devolver R$ 7 milhões aos cofres públicos

Suspeitos de duplo homicídio são presos em Guanambi

Jovem agredida por namorado em Vitória da Conquista perde bebê

Caetité: Professores participam de capacitação oferecida pela Coelba

1.996 pessoas já foram vacinadas contra a gripe comum e H1N1 em Caetité

Seca prolongada leva Rio de Contas a decretar situação de emergência

Adolescente é amarrada no quintal de casa em Palmas de Monte Alto

Teori diz que STF precisa examinar se Cunha pode substituir Dilma e Temer

Homens armados roubam moto no Bairro Rancho Alegre em Caetité

Lava Jato irá apresentar duas novas denúncias nesta quinta, diz jornal

Prefeitura confirma morte de vítima de H1N1 em Vitória da Conquista

Sexta / 23 Ago 2013 / 00h00

Após divulgação da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia – Sesab do Alerta Epidemiológico do vírus Influenza A, também conhecido como H1N1, confirmando uma morte pela doença na cidade, a prefeitura de Vitória da Conquista confirmou que o caso foi registrado no município. Uma nota de esclarecimento foi enviada à imprensa nesta sexta-feira (23).

Segundo a nota enviada pela Secretaria de Saúde do município, a paciente que contraiu  H1N1 tinha mais de 80 anos. A nota diz ainda que a paciente recebeu todos os cuidados médicos necessários e afirma que a causa da morte foi insuficiência cardíaca.

Ainda de acordo com a nota, a Vigilância Epidemiológica segue o protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde e disponibiliza medicação desde que o paciente apresente receita e relatório médico.

Confira a nota na íntegra:

A Secretaria Municipal de Saúde informa que, conforme foi divulgado no site oficial da Prefeitura nessa quinta-feira, 22, houve no município a confirmação de um caso da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), H1N1, no último dia 20 de agosto. A paciente, uma pessoa idosa com mais de 80 anos, recebeu todo atendimento e acompanhamento necessários, mas veio a óbito em decorrência de insuficiência cardíaca.

A Secretaria informa ainda que a Vigilância Epidemiológica do município segue rigorosamente o Protocolo do Ministério da Saúde e disponibiliza medicação mediante a apresentação de receita e relatório médico.

A Síndrome Respiratória Aguda Grave é uma doença de notificação compulsória, portanto os serviços públicos e privados de saúde devem comunicar à Vigilância Epidemiológica do Município, em todos os casos suspeitos ou confirmados.