• Procuradoria investiga Paulo Guedes sob suspeita de fraude

    Foto: Divulgação
    Foto: Divulgação
    Por Rodrigo Daniel Silva

    10/10/2018 - 08:00

    Economista, que é cotado para ser ministro de Bolsonaro, é suspeito de captar, pelo menos, R$ 1 bi de entidades

    O Ministério Público Federal (MPF) investiga o economista Paulo Guedes, que é cotado para ser ministro da Fazenda em um eventual governo de Bolsonaro (PSL), por supostamente praticar fraudes em negócios com fundos de pensão de estatais. Segundo o jornal Folha de São Paulo, Paulo Guedes teria se associado a executivos ligados ao PT e ao MDB. Ele teria captado, pelo menos, R$ 1 bilhão das entidades, entre elas, Previ (Banco do Brasil) e Petros (Petrobras). No dia 2 de outubro, foi instaurado um procedimento investigativo criminal para apurar se o economista cometeu os crimes de gestão fraudulenta ou temerária. Procuparado pelo jornal, Paulo Guedes não respondeu.

MAIS NOTÍCIAS