• Conta de luz não terá cobrança extra em janeiro, diz Aneel

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Paloma Morais

    30/12/2017 - 08:00

    A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (29) que em janeiro de 2018 a bandeira tarifária da conta de energia elétrica vai operar na cor verde, quando não há cobrança extra. De acordo com o órgão, a situação foi motivada pelo aumento no volume de chuvas no mês de dezembro. "O acionamento dessa cor indica condições favoráveis de geração hidrelétrica no Sistema Interligado Nacional. Mesmo com a bandeira verde é importante manter as ações relacionadas ao uso consciente e combate ao desperdício de energia elétrica", informou a Aneel por meio de nota. Nos últimos meses deste ano, a bandeira tarifária operou com taxa adicional nas contas de luz devido ao baixo nível dos reservatórios das principais hidrelétricas do país atrelado à falta de chuvas. Neste mês, a Aneel aplicou a bandeira vemelha, no patamar 1, com cobrança extra de R$ 3 a cada 100 kWh consumidos. Entenda as cores das bandeiras da conta de luz: A Aneel opera na cor de bandeira verde quando há pouca ou nenhuma necessidade de geração de energia por termelétricas, que é mais cara que a produzida pelas hidrelétricas. Quando essa necessidade aumenta, a bandeira opera na cor amarela, e passam a ser cobrados valores extras de R$ 2 dos consumidores a cada 100 kWh consumidos. Quando o custo sobe muito, a bandeira passa a operar na cor vermelha e a cobrança extra nas contas de luz varia de R$ 3 a R$ 3,50 para cada 100 kWh usados. 

MAIS NOTÍCIAS