• Sobe para 31 número de mortes pela gripe H1N1 na Bahia

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Juliana Rodrigues

    11/09/2018 - 11:00

    Segundo a Sesab, 250 casos da doença foram registrados até o final de agosto

    O número de mortes provocadas pela gripe H1N1 na Bahia subiu para 31, segundo balanço divulgado ontem pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) com dados coletados até 25 de agosto. No levantamento anterior, que cobria notificações registradas até o dia 15 do mesmo mês, eram 29 casos. As mortes aconteceram em 18 cidades baianas. De acorco com o mesmo boletim, o número de casos de H1N1 subiu de 246 para 250. O balanço geral dos registros de gripe, que inclui também os tipos H3 sazonal, A e B, aponta que a Bahia teve 350 ocorrências da doença, no total. De acordo com o Ministério da Saúde, durante a campanha de vacinação contra o vírus, realizada em junho, a Bahia atingiu 89,6% do público-alvo. A meta era vacinar 90%. Mais de 4 milhões de doses foram distribuídas no estado.