• Guanambiense garante R$ 20 mil em quadro do Caldeirão do Huck, participação continua na próxima semana

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    07/07/2018 - 20:30

    O programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo, exibiu neste sábado (07) a participação do Guanambiense Murilo Fernandes, de 26 anos de idade, no quadro “Quem Quer Ser um Milionário”. Na busca pelo prêmio de R$ 1 milhão, o jovem já garantiu R$ 20 mil e ficou a sete perguntas do prêmio máximo. A edição do Caldeirão do Huck com a participação de Murilo foi reduzida, devido aos jogos da Copa do Mundo, apenas a participação no quadro foi exibida. Ao ser perguntado quanto queria ganhar, Murilo respondeu logo, “mais de R$ 500 mil”. Ao apresentador Luciano Huck, Murilo contou que é faixa preta e da aulas de Krav Magá, luta de origem israelense, além de fazer manutenção de computadores e estudar Engenharia de Produção no Centro Universitário – UniFG. Murilo também contou que estuda e prática da hipnose, com o intuito de ajuda pessoas a tratar problemas como a gagueira, insônia, vícios e ansiedade. Murilo revelou também gostar de Cosplay e de debates sobre diversos assuntos com os amigos. No palco, Huck convidou um participante da plateia para ser submetido à hipnose de Murilo, no entanto a hipnose não funcionou no voluntário.  “Isso acontece principalmente porque ele não viu hipnose antes… ninguém é hipnotizado contra a vontade”, justificou. De acordo com a Agência Sertão, o jovem participou do programa em companhia da mãe Nádia, salgadeira e cozinheira. “As melhores marmitas de Guanambi são feitas pela dona Nádia”, disse Luciano Huck. Mãe e filho ganharam a simpatia do apresentador e da plateia. “Você é muito organizado, muito carismático, muito forte assim falando”, complementou Huck. Ele mora no residencial Massaranduba e é o filho mais novo de uma família de três irmãos, Danilo e Patrícia. Seu pai Bento tem um barzinho e vende espetinhos na cidade, O programa já foi gravado e Murilo guarda em sigilo o valor do prêmio que ganhou. A segunda parte da participação será exibida no próximo sábado (14). A participação de Murilo está disponível no site do Caldeirão. Em 18 de novembro do ano passado, a advogada montealtense Jacqueline Castro, que já morou em Guanambi, faturou R$ 300 mil reais, durante a sua participação no programa ‘Caldeirão do Huck’, no quadro “Quem quer ser um Milionário”, na Rede Globo. Atualmente morando em Vitória da Conquista (BA), a servidora aposentada da Justiça Federal desistiu na pergunta de R$ 500 mil. No geral, Jacqueline conseguiu acertar treze perguntas e ficou a duas do prêmio máximo de R$ 1 milhão.