• Uma em cada três escolas particulares tem nota abaixo do esperado no Enem, diz jornal

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Clara Rellstab

    29/06/2018 - 12:00

    Nas unidades públicas com alunos mais ricos, o índice chega a 51%, embora não haja autonomia para resolver lacunas estruturais, como a falta de professores

    Os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) costumam confirmar, anualmente, o abismo entre o desempenho dos estudantes de escolas públicas e privadas. Um levantamento da Folha de São Paulo, no entanto, mostra que, apesar de as unidades particulares terem melhores resultados em geral, a situação entre elas também é desigual, mesmo quando atendem a alunos de mesmo perfil. Uma em cada três escolas particulares do país com estudantes de alto nível socioeconômico não atingiu a nota que seria esperada no Enem do ano passado para tais colégios. O estudo aponta que das 1.163 escolas privadas com alunos de nível socioeconômico “muito alto”, “alto” e “médio alto”, 418 (36%) não alcançaram patamares que os grupos precisariam atingir, conforme estimativas estatísticas calculadas pela reportagem. Nas unidades públicas com estudantes mais ricos, o índice chega a 51%, embora os centros de ensino não tenham autonomia para resolver lacunas estruturais, como a falta de professores.