• Veja como se preparar para uma entrevista de emprego

    Foto: Divulgação
    Foto: Divulgação
    Por Bárbara Carolina / Correio

    04/06/2018 - 09:00

    Etapa decisiva: saiba o que fazer e  o que evitar para se dar bem nas seleções

     A entrevista de emprego ainda assusta muitos candidatos, especialmente em época de crise em que os empregos são cada vez mais escassos. O processo, assim como as demais fases da seleção, busca conhecer além das qualidades técnicas do candidato, seus aspectos comportamentais para prever se ele terá sucesso no cumprimento dos deveres da posição. Carla Carvalho, assessora de carreira da Catho, esclarece alguns mitos: “A entrevista é vista como o momento em que o recrutador tem o intuito de colocar o candidato em saia justa, o que não é verdade. Ela serve para que a organização tenha certeza de que a vaga oferecida é compatível com o candidato”. Para ela, a ansiedade acomete ambos, tanto selecionador quanto candidato. “O selecionador precisa preencher aquela vaga até um determinado prazo, então, desmistificar essa ideia de que ele quer prejudicar o candidato já é um bom começo para que ele sinta mais segurança”, continua. Além da mudança de pensamento, há algumas dicas que podem ajudar no preparo para a entrevista, colaborando para garantir uma boa apresentação no momento presencial. “É importante que o candidato pesquise sobre a vaga e sobre a empresa, assim como tenha o mínimo de autoconhecimento, o que colabora para um posicionamento mais assertivo e convincente na hora da seleção”, pontua a especialista. Primeira Impressão: A gestora de Recursos Humanos Rafaela Oliveira da Silva complementa que causar uma boa impressão no primeiro contato com a empresa é um bom ponto de partida. “Tudo é observado pelo avaliador, desde o horário de chegada à postura em relação aos demais candidatos”, diz. Ela explica que uma vez dentro da empresa, a ansiedade na espera pela entrevista deve ser controlada porque o comportamento neste instante é avaliado. Para Rafaela, demonstrar irritação, usar  excessivamente o celular, falar alto, buscar intimidade com os funcionários são atitudes vistas negativamente. “Durante a entrevista, procure se acalmar, preste atenção no entrevistador, responda sempre o que for solicitado, não tente demonstrar que não está criando um personagem, não fale mal das empresas em que trabalhou e, se for perguntado, fale sempre dos pontos positivos. Olhe sempre nos olhos do entrevistador e o cumprimente ao entrar e ao sair da sala, demonstre disponibilidade de horários e otimismo”, pontua. Aumente suas chances: Seja pontual - O 1º  contato com a organização  pode ser decisivo para a contratação. Não minta - Profissionais de RH possuem técnicas  que identificam mentiras. Além de não ser ético, pode acabar com suas chances. Vestuário - Vista-se de forma adequada. Nada de decotes, bermudas ou, maquiagem  exagerada. Demonstre interesse - Faça perguntas cabíveis,relacionadas a salário, benefícios e plano de carreira para que o recrutador identifique interesse especial pela oportunidade. Seja autêntico - Evite usar  respostas prontas.