• Trabalhadores dos Correios entram em greve em todo o país

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Juliana Almirante

    10/09/2019 - 22:15


    Movimento é por tempo indeterminado e todos os serviços serão afetados; trabalhadores protestam contra reajuste de 0,8%, abaixo da inflação

    Funcionários dos Correios decidiram na noite desta terça-feira (10), em assembleias realizadas em todo país, pela greve geral unificada por tempo indeterminado. A informação é do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos na Bahia (Sincotelba). A paralisação começou às 22h. O movimento é em defesa dos Correios e contra a privatização. Os Correios integram a lista de 17 estatais que tiveram a privatização anunciada pelo governo Jair Bolsonaro. Companhias como a Empresa Brasil de Comunicação, a Casa da Moeda, a Telebras e a Eletrobras também passarão a ter apenas capital privado. Os trabalhadores dos Correios protestam contra a proposta de reajuste salarial oferecida pela empresa, de 0,8% – menor que os 3,1% da inflação acumulada em 12 meses pelo Índice de Preços ao Consumidor (INPC). Entre pontos que a categoria reivindica, estão a exclusão do vale cultura, a redução do adicional de férias de 70% para 33% e o aumento da mensalidade do convênio médico e da co-participação em tratamentos de saúde. A exclusão dos pais de planos de saúde também é um ponto sensível na negociação.

MAIS NOTÍCIAS