• Lava-Jato de SP denuncia Lula, irmão e executivos da Odebrecht por corrupção

    Foto: José Cruz | Agência Brasil Foto: José Cruz | Agência Brasil
    Por Marcela Vilar

    09/09/2019 - 22:57


    Irmão de Lula foi acusado de receber mais de R$ 1 milhão em mesada da empresa

    A força-tarefa da Lava-Jato de São Paulo denunciou hoje (9) o ex-presidente Lula e o irmão dele, José Ferreira da Silva, conhecido como Frei Chico, por corrupção passiva. Já os donos da Odebrecht, Marcelo e Emilio Odebrechdt, além do ex-diretor da empresa, Alexandrino Alencar, foram denunciados por corrupção passiva. De acordo com a denúncia feita pelo Ministério Público Federal, Frei Chico teria recebido R$1,131 milhão da empresa através de uma mesada de R$ 3 a R$ 5 mil. A mesada seria parte de "um pacote de vantagens indevidas oferecidas a Lula, em troca de benefícios obtidos pela Odebrecht junto ao governo federal". Na delação premiada que fez em abril de 2017, Alexandrino Alencar disse que o irmão de Lula recebeu mesadas por 13 anos da Odebrecht em dinheiro vivo. Entretanto, as defesas do ex-presidente Lula e do irmão dele negaram as acusações.

  • Lava-Jato de SP denuncia Lula

MAIS NOTÍCIAS