• Mourão defende reforma política após a conclusão da Previdência

    Foto: Valter Campanato | Agência Brasil Foto: Valter Campanato | Agência Brasil
    Por Kamille Martinho

    15/07/2019 - 16:00


    De acordo com o vice-presidente, o Brasil não tem um sistema político e isso é difícil de conceber tal a fragmentação partidária

    O vice-presidente Hamilton Mourão defendeu hoje (15), que, após aprovação da reforma da Previdência, o próximo passo do Congresso deve ser a reforma política. De acordo com Mourão, o Brasil não tem um sistema político e isso é difícil de conceber tal a fragmentação partidária. As informações são da Agência Brasil. "É extremamente fragmentado o nosso Congresso, não é fácil lidar com isso aí. Os partidos deixaram de representar o pensamento da sociedade como um todo. Acho que todos aqui entendem perfeitamente que o ideal é que tivéssemos cinco partidos, quando muito sete, que representassem as diferentes espécies de pensamento que temos dentro da nossa sociedade”, disse. Segundo a publicação, o vice-presidente defende o sistema politica com voto distrital: "É a minha opinião para a eleição ficar mais barata”.

MAIS NOTÍCIAS