• Reforma da Previdência é aprovada na CCJ por 48 votos a favor e 18 contra

    Foto: Dida Sampaio | Estadão Conteúdo
    Foto: Dida Sampaio | Estadão Conteúdo
    Por Juliana Rodrigues

    24/04/2019 - 05:00

    Tramitação mostrou que o governo precisará aprimorar a articulação política para enfrentar próxima fase

    Após mais de nove horas de discussão numa sessão tumultuada, o governo conseguiu vencer a primeira etapa de tramitação da reforma da Previdência e aprovou no fim da noite desta terça-feira (23), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) o relatório do deputado Marcelo Freitas (PSL-MG), favorável à admissibilidade da proposta. A admissibilidade foi aprovada por 48 votos a 18. A aprovação foi sucedida de comemoração dos governistas e vaias da oposição. Apesar das negociações, a proposta aprovada ainda preserva a economia de R$ 1,1 trilhão estimada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, com a aprovação do texto que foi enviado ao Congresso no dia 20 de fevereiro. A tramitação, mostrou que o governo precisará aprimorar a articulação política para enfrentar a próxima fase, a comissão especial, na qual é discutido o mérito do projeto. 

MAIS NOTÍCIAS