• Bolsonaro e outros 141 ex-deputados já podem se aposentar com até R$ 33,7 mil

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Clara Rellstab

    15/01/2019 - 07:00

    Destes, 58 não foram reeleitos ou nem se candidataram. No Senado, 26 dos não reeleitos estão aptos a requerer o benefício

    Grupo de 142 deputados e ex-deputados, entre eles o presidente Jair Bolsonaro (PSL), poderá pedir aposentadoria, a partir do mês que vem. Segundo o Estadão, eles têm direito a um benefício de até R$ 33.763 – seis vezes mais que o teto do INSS. No caso de Bolsonaro, ele pode acumular a aposentadoria com o salário de presidente da República, que é de R$ 30.934,70. Caso tivessem aprovado a reforma da Previdência proposta por Michel Temer (MDB), esses parlamentares já teriam de cumprir agora regras mais duras para se aposentar. Pelo texto que está pronto para ser votado na Câmara, os políticos teriam de cumprir de imediato as idades mínimas de 62 anos (mulheres) e 65 anos (homens) e trabalhar por um período adicional de 30% sobre o tempo que faltaria para a aposentadoria. Dos 142 deputados e ex-deputados que têm direito ao benefício, 58 não foram reeleitos ou nem se candidataram. No Senado, 26 dos não reeleitos estão aptos a requerer o benefício.

MAIS NOTÍCIAS