• TSE dá 3 dias para Bolsonaro esclarecer indícios de irregularidades em campanha

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Marina Hortélio

    13/11/2018 - 18:00

    A Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias apontou 17 indícios de irregularidades na documentação entregue pela equipe do presidente eleito ao Tribunal

    Após determinação do ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso, o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) deve esclarecer, em até três dias, os indícios de irregularidades apontados pela área técnica do TSE na prestação de contas da campanha. A Asepa (Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias), órgão técnico do TSE, apontou 17 indícios de irregularidades na documentação entregue pela equipe do presidente eleito ao Tribunal. Após a resposta de Bolsonaro, a área técnica do TSE vai elaborar um parecer final para embasar o voto de Barroso, que é relator da prestação de contas de campanha de Bolsonaro. As contas seguem, então, para julgamento pelo plenário do Tribunal Superior Eleitoral. O julgamento das contas da campanha de Bolsonaro deve ser finalizado até o dia da diplomação do presidente eleito, em 10 de dezembro.

MAIS NOTÍCIAS