• Fux condiciona fim do auxílio-moradia ao reajuste do STF

    Foto: José Cruz | Agência Brasil
    Foto: José Cruz | Agência Brasil
    Por Juliana Rodrigues

    13/11/2018 - 10:30

    Magistrado afirmou à TV Globo que os ministros não receberão o aumento de salário e o benefício de forma cumulativa

    O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux afirmou, ontem (12), que o auxílio-moradia pago a juízes do país será revogado assim que o reajuste de 16,38% nos salários dos ministros do STF for sancionado pelo presidente Michel Temer. O projeto foi aprovado pelo Senado na semana passada. De acordo com o jornal O Globo, Fux afirmou à TV Globo que os magistrados não receberão o reajuste e o benefício de forma cumulativa. “Tão logo implementada a recomposição, o auxílio cairá”, disse o ministro, que é relator dos casos no Supremo ligados à questão do auxílio-moradia.

MAIS NOTÍCIAS