• WhatsApp bane contas de agências por disparo de mensagens anti-PT

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Matheus Simoni

    19/10/2018 - 14:00

    Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a empresa exigiu também que essas agências parem de utilizar números de celulares obtidos pela internet para aumentar o alcance dos grupos na rede social

    O WhatsApp enviou hoje (19), de forma extrajudicial, notificações às agências Quickmobile, Yacows, Croc services e SMS Market para que parem de fazer envio de mensagens em massa contra o PT. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a empresa exigiu também que essas agências parem de utilizar números de celulares obtidos pela internet para aumentar o alcance dos grupos na rede social. O aplicativo também baniu do WhatsApp as contas associadas a essas agências. “Estamos tomando medidas legais para impedir que empresas façam envio maciço de mensagens no WhatsApp e já banimos as contas associadas a estas empresas”, informou em nota. Uma reportagem publicada pelo jornal ontem (18), apontou que empresas, que financiaram a campanha de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República, bancaram uma campanha de mensagens anti-PT com pacotes de disparos em massa. A empresa também disse que usa tecnologia de ponta para detectar contas com comportamento anormal para que elas não possam ser usadas para espalhar mensagens de spam.

MAIS NOTÍCIAS