• TCM investiga 26 prefeituras e 30 câmaras por suposta compra de título de 'melhor gestor do país'

    Foto: Reprodução |  TV Sudoeste
    Foto: Reprodução | TV Sudoeste
    Por Luiza Leão

    08/08/2018 - 21:00

    Tribunal aponta que 26 administrações e 30 casas legislativas gastaram R$ 93 mil com pagamento para receber as premiações

    O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia investiga 26 prefeituras e 30 câmaras de vereadores do estado por supostos gastos de mais de R$ 90 mil para receber o título de "melhor gestor do país". A titulação é dada pela União Brasileira de Divulgação, localizada em Pernambuco, junto ao Instituto Tiradentes, de Minas Gerais. Eles chegam a agraciar, anualmente, 20 prefeitos, vereadores e secretários municipais. Segundo as prestações de contas do ano passado e dos primeiros seis meses deste ano, 26 administrações e 30 casas legislativas gastaram R$ 92.983 mil com o pagamento às instituições para receber as premiações. A investigação foi iniciada após o programa Fantástico, da Rede Globo, denunciar que um jumento recebeu o título de um dos 100 melhores prefeitos do Brasil, no Rio Grande do Sul, o que atestaria a falta de credibilidade da honraria. Para o animal, o título custou R$ 1.480.

MAIS NOTÍCIAS