• Previdência Privada vale a pena?

    Foto: Divulgação
    Foto: Divulgação
    Por Tayane Gabriele

    30/07/2018 - 15:28

    Previdência Privada vale a pena? Com todos esses “disse e me disse” da Reforma da Previdência, muitas pessoas pensaram em meios alternativos para garantir sua aposentadoria. E uma delas é por meio da Previdência Privada. Mas, eu lhe pergunto: será que vale a pena mesmo investir em uma previdência privada? Minha resposta é não! E nesse artigo, eu vou dar poderosos motivos para você não fazer esse investimento. Além disso, também trago uma outra alternativa para que você garanta sua aposentadoria. Confira! Previdência Privada não compensa porque tem altas taxas - A Previdência Privada acaba saindo muito caro para quem está investindo nela. Isso acontece por conta das altas taxas que ela possui. As taxas cobradas, como a de carregamento e de administração, chegam a ser maiores até do que os fundos de investimento. E olha que os fundos de investimento já cobram taxas elevadas. Dessa forma, dependendo do valor da taxa, as outras vantagens ao fazer esse tipo de previdência, acabam sendo anuladas. Fora isso, esses fundos também cobram taxas de saída. Isso pode impactar um investidor que deseja realizar algum tipo de resgate. As simulações são irreais - Quando você chega no banco para realizar uma simulação da sua previdência, os bancos mostram diversos números que não existem. Isso porque, na hora que o banco está mostrando quais são as vantagens de ter um plano, ele não calcula os impactos gerados pela inflação. Dessa forma, você acaba caindo na ilusão de que uma Previdência Privada vale a pena, porém, isso não é verdade. Algumas instituições não levam em conta as necessidades dos seus clientes - Para que as metas sejam atingidas, muitas instituições oferecem planos sem verificar o perfil do cliente.

    Dessa forma, o objetivo acaba se perdendo no meio do caminho, visto que, a instituição não leva em conta a necessidade do seu cliente. Isso acontece porque muitas instituições só pensam em vender o plano e se esquecem que o cliente também precisa ter uma garantia. Sendo assim, quando o cliente resolve se aposentar, ele acaba se decepcionando. Isso porque, ele acaba recebendo bem menos do que ele imaginava que iria receber. O investimento acaba se tornando engessado - Quando você investe na Previdência Privada, você acaba preso a esse tipo de plano por longos e longos anos. Dessa forma, caso apareça algo mais interessante, você não terá como mudar de ideia. Além disso, você também não tem a opção de se adaptar as mudanças que ocorrem na economia. Sendo assim, o investimento acaba se tornando engessado. E vamos combinar que isso não é nem um pouco vantajoso para você. Há pouca diversificação - Quando você investe em uma Previdência Privada, só é possível fazer aplicações em rendas fixas ou em ações. Além disso, você também pode dividir entre as duas formas que citei anteriormente. Dessa forma, o seu dinheiro acaba rendendo bem menos que você gostaria, e assim, você pode ficar no prejuízo. Mas, como eu disse, há uma solução! - E a solução é bem simples: basta que você invista na sua própria Previdência Privada. Não entendeu? Eu explico. Basicamente, o que você vai precisar fazer é se planejar para que você construa sua própria base financeira para a sua aposentadoria. Isso vai acontecer totalmente de forma independente, sem que você dependa de instituições. Sendo assim, a ideia principal é elaborar um plano sólido para que você e sua família vivam bem no futuro. Eu sei que isso é difícil e que também não há como deixar de se preocupar com o presente. Entenda que eu não estou pedindo isso. O que estou dizendo, é que você precisa ter uma educação financeira, para que você dê mais valor ao seu capital e assim, saiba organizar as suas finanças. Dito isso, o que você realmente precisa é saber se organizar, controlar os gastos e economizar. Feito isso, você não vai depender da Previdência Privada e vai garantir uma aposentadoria agradável para você. Saiba mais sobre INSS e aposentadoria no nosso site. Espero que você tenha entendido os motivos pelo qual a Previdência Privada não vale a pena. Não deixe de seguir a minha última dica. Até mais! Informações da autora: Tayane Gabriele Corrêa Aguiar, acadêmica do 10° período de Direito da Faculdade Estácio CEUT de Teresina/ PI.

    CONTINUE LENDO

MAIS NOTÍCIAS