• Livramento: Polícia prende suspeito por detonação de explosivos que teria gerado incêndio na Serra das Almas

    Foto: Divulgação | Policia Civil Foto: Divulgação | Policia Civil
    12/11/2019 - 13:19


    O mandado de busca e apreensão foi expedido após denúncia de que o acusado seria proprietário de mineradora e estaria armazenando material explosivo em um depósito clandestino

    Um homem identificado como Hércules de Almeida Hemerly, 57 anos de idade, foi preso nesta terça-feira (12), por equipe da 20ª Coorpin da Polícia Civil, com apoio da Delegacia Territorial de Livramento de Nossa Senhora, coordenada pelos delegados Arilano Botelho e Antônio Cláudio. O mandado de busca e apreensão em desfavor do referido foi expedido pelo Juiz da comarca de Livramento de Nossa Senhora, após denúncia de que ele seria proprietário de mineradora e estaria armazenando material explosivo em um depósito clandestino, bem como, seria o suspeito de focos de incêndio que assolaram a região de Livramento de Nossa Senhora, após detonação e exploração de minérios. Segundo informações da polícia, durante o cumprimento da busca e apreensão fora encontrado na residência de Hércules grande quantidade de nitrato de amônia, cordel, espoletas, estopim, aves de espécie em extinção, bem como munições de calibre 7.65. O autor foi autuado em flagrante delito e todo material apreendido para ser periciado e posteriormente encaminhado ao Exército Brasileiro para destruição. Ouça a entrevista concedida pelo delegado Arilano Botelho,  Coordenador da 20ª Coorpin ao Jornal da 88 FM:

  • Charles Fernandes discute com Presidente da Codevasf a execução de obras na região Sudoeste através de suas emendas parlamentares

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    12/11/2019 - 12:30


    O deputado Charles Fernandes se reuniu na manhã desta terça-feira (12), em Brasília, com Marcelo Andrade Moreira Pinto, que é diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), onde discutiu a execução de obras na região sudoeste da Bahia, previstas para o ano que vem e que é fruto de emendas parlamentares individuais. Na oportunidade o deputado ainda frisou da importância da Irrigação do Vale do Iuiú ao presidente, cujo projeto tem grande capacidade de geração de emprego e renda e fortalecimento da agricultura familiar na região. A pedido de Charles, a Codevasf irá executar obras de aguadas, pavimentação, perfuração de poços artesianos, sistemas de irrigação e abastecimento para comunidades rurais, entre outras. “Foi uma reunião muito produtiva, onde fui muito bem recebido pelo presidente, que se mostrou muito solícito aos nossos pedidos, que já estão programados para serem executados em 2020”, comemorou Charles.

  • Bolsonaro anuncia fim do DPVAT a partir de 2020

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por Juliana Rodrigues

    12/11/2019 - 11:30


    Extinção se dará em forma de medida provisória e precisa ser aprovada pelo Congresso

    O presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou nesta segunda-feira (11) uma medida provisória que extingue o seguro obrigatório DPVAT e o DPEM a partir de 2020. O DPVAT é utilizado para que vítimas de acidente de trânsito sejam indenizadas. O segundo visa vítimas de danos causados por embarcações. “A Medida Provisória tem o potencial de evitar fraudes no DPVAT, bem como amenizar/extinguir os elevados custos de supervisão e de regulação do DPVAT por parte do setor público (Susep, Ministério da Economia, Poder Judiciário, Ministério Público, TCU), viabilizando o cumprimento das recomendações do TCU pela SUSEP”, informou o governo em nota. A medida provisória que acaba com o DPVAT e com o DPEM entra em vigor assim que for publicada no “Diário Oficial da União”. O Congresso precisa aprová-la, porém, em 120 dias. De acordo com a Seguradora Líder, gestora do DPVAT, no primeiro semestre de 2019 foram pagas 18.841 indenizações por morte, 103.068 indenizações por invalidez permanente e 33.123 indenizações para despesas médicas.

  • Caetité: Embasa emite nota de esclarecimento sobre falta d’água; regularização está prevista no período de 72h

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    12/11/2019 - 11:30


    Em nota enviada à redação do Sudoeste Bahia, a Embasa informou que o Sistema de Abastecimento de Caetité opera com carga máxima desde a tarde de segunda (11), após um problema operacional afetar o funcionamento da Adutora do Algodão durante o final de semana. Ainda conforme a empresa, as equipes estão promovendo intervenções necessárias na rede distribuidora com o objetivo de equilibrar o sistema até a completa regularização do fornecimento de água prevista para acontecer gradativamente pelo período de 72 horas. “Até que a situação se normalize, a Embasa recomenda que a população mantenha o uso criterioso da água armazenada nos reservatórios domiciliares, evitando todas as formas de desperdícios e redobrando os cuidados com a água armazenada”, cita a empresa. Por fim, a Embasa esclarece que não procedem as informações que estão circulando nas redes sociais sobre possível racionamento no sistema de abastecimento da cidade de Caetité.

  • Chapada Diamantina: Incêndio na Serra das Almas é controlado

    Foto: Divulgação | Corpo de Bombeiros Foto: Divulgação | Corpo de Bombeiros
    Por Juliana Almirante

    12/11/2019 - 10:00


    Após o controle do incêndio, começa o monitoramento da área afetada, para garantir que o fogo não volte

    O incêndio que atingia a Serra das Almas foi controlado por equipes do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia e brigadistas voluntários, de acordo com boletim divulgado hoje (12). A serra divide os municípios de Livramento de Nossa Senhora e Rio de Contas, no sul da Chapada Diamantina. Segundo o Corpo de Bombeiros, após o controle do incêndio, começa o monitoramento da área afetada, para garantir que o fogo não volte, especialmente por conta da possibilidade de incêndios subterrâneos. O monitoramento é feito ainda com auxílio de aeronaves. Ao todo, quase 60 pessoas trabalham na operação, incluindo bombeiros militares, brigadistas voluntários, equipes do grupamento aéreo da Polícia Militar, pilotos dos aviões cedidos pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente, além de equipes do Inema, Ibama e do apoio das Secretarias de Meio Ambiente das duas cidades.

  • Reforma da Previdência começa a valer hoje com seis opções de transição; saiba mais

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por Juliana Rodrigues

    12/11/2019 - 09:30


    Quatro regras são para trabalhadores do setor privado (INSS), uma é só para servidores públicos e outra serve para os dois

    A reforma da Previdência será promulgada hoje (12), quase nove meses após chegar ao Congresso. Com as mudanças, quem já está no mercado de trabalho terá seis diferentes opções para se aposentar. São as chamadas regras de transição. Quatro delas são para trabalhadores do setor privado (INSS), uma é só para servidores públicos e outra serve para os dois. Na prática, as regras de transição podem permitir que o trabalhador se aposente antes das idades mínimas estabelecidas pela reforma. No entanto, é preciso ficar atento: a variação entre as regras não está apenas na idade em que a pessoa poderá se aposentar, mas também no valor que vai receber como benefício. Veja as regras: Trabalhadores da iniciativa privada:  Transição 1: sistema de pontos - É parecida com a fórmula 86/96 e tende a ser mais vantajosa para quem começou a trabalhar mais cedo. Para se aposentar por essa regra, o trabalhador precisa atingir uma soma entre idade e tempo de contribuição. Essa soma começa em 86 para as mulheres e 96 para os homens, desde que o tempo mínimo de contribuição seja de 35 anos para homens e 30 anos para mulheres. Pela regra, no entanto, essa soma mínima vai aumentando ao longo dos anos. A transição prevê um aumento de 1 ponto a cada ano, chegando a 100 para mulheres (em 2033) e 105 para os homens (em 2028). Transição 2: tempo de contribuição + idade mínima - Nessa regra, a idade mínima começa em 56 anos para mulheres e 61 para os homens, subindo meio ponto a cada ano até chegar a 62 para mulheres e 65 para homens. Em 12 anos acaba a transição para as mulheres e em 8 anos para os homens. Nesse modelo, é exigido um tempo mínimo de contribuição: 30 anos para mulheres e 35 para homens. Transição 3: pedágio de 50% - Essa regra deve se aplicar aos trabalhadores que estão quase chegando à aposentadoria. Quem está a, no máximo, 2 anos de cumprir o tempo mínimo de contribuição em vigor antes da promulgação da reforma (35 anos para homens e 30 anos para mulheres) ainda vai poder se aposentar sem a idade mínima, mas vai pagar um pedágio de 50% do tempo que falta. Transição 4: por idade - Para os homens, a idade mínima continua em 65 anos. Para as mulheres começará em 60 anos. Mas, a partir de 2020, a idade mínima de aposentadoria da mulher aumentará seis meses a cada ano, até chegar a 62 anos em 2023. O tempo mínimo de contribuição exigido será de pelo menos 15 anos para ambos os sexos. Servidores públicos:  Transição 5: exclusiva para servidores - A regra respeita a pontuação que soma o tempo de contribuição mais uma idade mínima, começando em 86 pontos para as mulheres e 96 pontos para os homens. Ela prevê um aumento de 1 ponto a cada ano, tendo duração de 14 anos para as mulheres e de 9 anos para os homens. O período de transição termina quando a pontuação alcançar 100 pontos para as mulheres (2033), e a 105 pontos para os homens (2028), permanecendo neste patamar. O tempo mínimo de contribuição dos servidores será de 35 anos para os homens e de 30 anos para as mulheres. A idade mínima começa em 61 anos para os homens e 56 anos para mulheres, passando a 62/57 a partir de 2022. Deverão contar ainda com 20 anos de serviço público, 10 anos na carreira e 5 no cargo. Regra válida para ambos:  Transição 6: pedágio de 100% (para INSS e servidores) - Para se aposentar por essa regra, os trabalhadores terão que cumprir os seguintes requisitos: idade mínima de 57 anos para mulheres e de 60 anos para homens, além um "pedágio" equivalente ao mesmo número de anos que faltam para cumprir o tempo mínimo de contribuição (30 anos para mulheres e 35 para homens).

  • Caetité: Após dias sem água, moradora deixa panelas sujas em frente a Embasa como forma de protesto

    Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp
    12/11/2019 - 09:00


    A imagem viralizou nas redes sociais.

    Há vários dias, a população do município de Caetité, tanto da zona urbana quanto rural, sofre com a falta d’água e a escassez do líquido já prejudica a realização de atividades essenciais nas residências. Revoltada com a situação, uma moradora do bairro Ovídio Teixeira decidiu protestar em frente a sede da  Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A. (Embasa), situada na Rua Getúlio Vargas, deixando em frente a empresa um amontoado de panelas sujas. A imagem viralizou nas redes sociais. No distrito de Maniaçu, os alunos foram orientados a voltar para casa devido a falta de água nas escolas. O Sistema de Abastecimento de Água foi interrompido no município após o rompimento na adutora do algodão no trecho entre Guanambi e Caetité. A Embasa não possui um plano emergencial com reserva hídrica para suprir a demanda da população e, até o momento, não se manifestou sobre o caso ou adoção de medidas paliativas até o reparo da adutora.

  • Mulheres praticam sexo oral em pagodeiro durante show e cumprem profecia de São Gerônimo do Maciel; veja o vídeo

    Veja o vídeo polêmico
    Por James Martins

    12/11/2019 - 08:00


    A cena chocante aconteceu em Aracaju e foi filmada inclusive por membros da própria banda

    Há quase 10 anos, entrevistei o cantor e compositor Gerônimo na famosa Escadaria do Pagador de Promessas (Igreja do Santíssimo Sacramento do Passo) em Salvador e ali, falando sobre a questão da sexualidade no pagode baiano, ele analisou: “A maioria de quem gosta dessa música acha que esse tipo de comportamento vai de encontro à sociedade dominante. Mas a sociedade dominante gosta (...) As bandas são quase todas iguais, o cara que canta tem que ser malhado, musculoso, pra isso deixar as mulheres excitadas, com o clítoris na testa!”. E São Gerônimo inclusive arriscou uma profecia: “Vai chegar o tempo em que isso vai evoluir tanto que o cara vai mostrar é o cacete! Vai mostrar um pedaço de pa da porra e a mulher vai botar a boca no palco e chupar o p** do cantor, entendeu?”. Pois o que para muitos soou exagerado se cumpriu. E em um espaço de tempo que talvez surpreenda até o próprio profeta. Apenas 9 anos passados, no último final de semana, em Aracaju (SE), duas jovens subiram no palco da banda Uh Rei das Novinhas e, praticaram sexo oral no cantor. A cena não só aconteceu, naturalmente, diante de toda a plateia, mas já ganhou mundo, uma vez que foi filmada (inclusive por membros da própria banda) e caiu nas redes. “Assim eu gozo”, diz o vocalista no vídeo. E agora, por onde começar? Primeiro, por uma mera questão legal: o que se chama de “novinhas” nesse vocabulário se refere, em geral, ao que nós costumamos chamar de “crianças”. Só isso traz implicações de ordem policial mais graves do que o mero ato sexual em público. Que se tomem providências.

    Assista a entrevista

    Mas, eu fico me perguntando: o nosso choque (supondo que o leitor também esteja espantado) diante da cena, se deve a uma espécie de moralismo cristão ultrapassado ou tem razões de outra natureza? Aquilo, o duplo sexo oral em público, seria a realização do teatro dionisíaco ou simplesmente sinal de má gestão familiar/comunitária? Ou melhor: as meninas foram para cima do palco protagonizar a cena porque são livres ou por serem escravas? Liberdade é fazer tudo o que se quer ou seria a tão difícil “consciência do limite”? E mais: a partir de que ponto se pode distinguir o que a gente quer de verdade daquilo que nos é dado querer? Confesso que não tenho respostas simples. Mas aposto que, se for feita uma enquete sobre sexualidade entre os envolvidos no espetáculo de Aracaju (público e banda), as opiniões serão, na maioria de casos, muito mais moralistas que as minhas. Há um descompasso na condução atual do Brasil que vai dar muito trabalho para sanar. Nesse mesmo contexto estamos vendo surgir (e isso eu previ há também já uma década) os traficantes de Cristo! Assassinos sanguinários de bíblia na mão, pistola na outra e batidão de ouro no pescoço. Houve um tempo em que a música popular possibilitava que o país inteiro falasse a mesma língua. Isso acabou. Hoje, há guetos. Sujeito é superstar em um e totalmente anônimo em outro. E os guetos não se comunicam, apenas se confrontam. É preciso restabelecer a linguagem comum, um imaginário verdadeiramente nacional, para, literalmente, começo de conversa. Naquela mesma entrevista (que o editor publicou com um título sensacionalista que à época desagradou ao cantor e a mim mesmo), Gerônimo, autor de “Lambada da Delícia”, prevê também um show em que a banda inteira transará no palco (músicos, bailarinos e vocalistas) enquanto a plateia transa embaixo. Aguardemos as cenas dos próximos capítulos!

  • Governo passa a cobrar INSS de quem recebe seguro-desemprego

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por Juliana Rodrigues

    12/11/2019 - 07:00


    Em contrapartida, o período de uso do benefício passará a ser contado para o cálculo de aposentadoria do trabalhador, segundo a equipe econômica

    Para viabilizar o programa "Emprego Verde e Amarelo", que incentiva a contratação de jovens de 18 a 29 anos, o governo vai passar a cobrar contribuições previdenciárias de todas as pessoas que receberem seguro-desemprego. A informação é da Folha. A equipe econômica estima que a medida deve gerar uma arrecadação de R$ 12 bilhões em cinco anos, valor mais alto do que o custo do programa de emprego, estimado em R$ 10 bilhões no mesmo período. Atualmente, o trabalhador demitido sem justa causa recebe o seguro sem a cobrança do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A partir de agora, o valor já virá com desconto de 7,5% da contribuição. Em contrapartida, o período de uso do seguro-desemprego será contado para o cálculo de aposentadoria do trabalhador.

  • Homem que matou músico montealtense é executado com vários tiros em frente à casa do irmão, em Guanambi

    11/11/2019 - 23:31


    O Samu chegou a ser acionado, mas constatou a morte do homem quando chegou ao local.

    Um homem de 33 anos foi morto a tiros na Rua G, no bairro Residencial dos Pássaros, no município de Guanambi, na noite desta segunda-feira (11). De acordo com informações obtidas pelo Sudoeste Bahia, a vítima, identificada como sendo Lúcio de Jesus, mais conhecido como “Quinho”, estava em frente ao portão da residência do irmão quando foi surpreendido por homens armados que chegaram ao local em uma motocicleta. Testemunhas relataram à polícia que o passageiro da moto desceu, com arma apontada para Lucio, efetuou vários disparos e o executou na frente de parentes. O Samu 192 chegou a ser acionado, mas constatou a morte do homem quando chegou ao local. Agentes do Departamento de Polícia Técnica (DPT) estiveram no local para realizar o levantamento cadavérico e o corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) de Guanambi, onde vai passar por exames de necropsia. A Polícia Civil já iniciou as investigações no sentido de identificar a autoria e motivação do crime. Ninguém foi preso até o momento. Latrocínio em 2007: Lucio havia saído recentemente do presidio onde cumpria pena por latrocínio cometido no final de agosto de 2007. Na ocasião, Lucio convidou o tecladista, Cícero Batista dos Santos Pinto, de 45 anos, natural de Palmas de Monte Alto, para uma pescaria em uma lagoa. No caminho ele teria premeditado o crime para ficar com a motocicleta YBR de cor vermelha, recém adquirida pelo músico em um consórcio premiado. Em depoimento à polícia, o acusado contou que depois de algum tempo no local da pescaria, enquanto a vítima estava às margens da lagoa, desferiu-lhe um golpe na cabeça com um pedaço de pau, derrubando-o. Em seguida, ainda segundo depoimento, consumou o ato com uma pedrada na cabeça e arrastou o corpo até a água. O corpo do musico foi encontrado dias depois em avançado estado de decomposição boiando em uma lagoa às margens da BR-030, no quilômetro 8, próximo a um posto de combustível.

  • Criminosos assaltam funcionário de Posto de Combustíveis em Guanambi e roubam malote com R$ 18 mil

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    11/11/2019 - 16:00


    De acordo com o Boletim de Ocorrência, o funcionário transportava o malote pela BR-030 sentido ao centro comercial da cidade

    Um funcionário de um posto de combustíveis situado em Guanambi foi interceptado por criminosos na manhã desta segunda-feira (11) e teve roubado um malote com R$ 18.000,00 (dezoito mil reais). De acordo com o Boletim de Ocorrência, o funcionário transportava o malote pela BR-030 sentido ao centro comercial da cidade, por volta das 10h, quando percebeu que estava sendo seguido por uma dupla em uma motocicleta, modelo Titan Fan 150 e decidiu se esconder em uma empresa que fica às margens da rodovia. Porém, os bandidos entraram no local, anunciaram o assalto e exigiram o malote com o dinheiro. Após o roubo, a dupla fugiu tomando rumo desconhecido. O caso foi registrado na Delegacia Territorial de Guanambi e a polícia investiga o crime.

  • PEC da prisão em segunda instância entra na pauta da CCJ

    Foto: Pablo Valadares | Agência Câmara Foto: Pablo Valadares | Agência Câmara
    Por Matheus Simoni

    11/11/2019 - 11:30


    De acordo com o presidente da comissão, deputado Felipe Francischini (PSL-PR), o texto pode ser votado ainda nesta semana

    A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados pode votar hoje (11) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 410/18, que trata da possibilidade da prisão após condenação em segunda instância. De acordo com o presidente da comissão, deputado Felipe Francischini (PSL-PR), o texto pode ser votado ainda nesta semana. Ele lembrou que a PEC já está na pauta há mais de dois meses e o acordo na comissão foi de que os deputados esperariam a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) para votar a proposta. "Aprovar a PEC é nossa prioridade máxima", declarou. Juristas apontam que o texto da Constituição não pode ser alterado por meio da proposta, já que o artigo é uma cláusula pétrea, ou seja, não pode ser modificado via PEC e somente através de uma nova Constituinte. Advogado criminalista com quase 40 anos de experiência junto ao STF, Antônio Carlos de Almeida Castro –conhecido como Kakay– diz que a prisão a partir do trânsito em julgado não cabe uma "interpretação diferente". O jurista também é responsável pela defesa de empresários investigados na Lava Jato. "Quando você tem uma Constituição que se diz que não se pode prender após o trânsito em julgado, não pode ter interpretação diferente. Eu sempre peço uma reflexão, desde 2006, quando entrei com uma ação direta de inconstitucionalidade. A redação é assim: se hoje, para que as pessoas possam ter o 'prazer' de verem presas 20 ou 30 empresários famosos ou pessoas famosas, você vai dar ao Supremo o direito de flexibilizar uma cláusula pétrea. Amanhã, num dia qualquer, julgando até sem advogado, o Supremo pode julgar e tirar a liberdade de expressão, a liberdade de comunicação, o direito à propriedade. São direitos do mesmo patamar, não podemos flexibilizar a constituição", acrescentou, em entrevista recente ao site Poder360. A relatora da proposta, deputada Caroline de Toni (PSL-SC), já apresentou parecer favorável à admissibilidade da PEC. A reunião da CCJ está prevista para 14h desta segunda-feira.

  • Sudoeste baiano: PRF apreende 3,5 toneladas de maconha na BR 116

    Foto: Divulgação | PRF Foto: Divulgação | PRF
    11/11/2019 - 08:30


    A descoberta da droga ocorreu quando os agentes federais abordaram um caminhão com o objetivo de verificar o cumprimento da Lei do Descanso, que regulamenta o tempo de repouso que deve ser feito pelo motorista durante seu trajeto.

    Na manhã deste domingo (10), em fiscalização de rotina com foco na Lei de Descanso, policias rodoviários federais abordaram um caminhão Mercedes Benz,  no km 677 da BR 116, no município de Jequié,  na região Sudoeste da Bahia e observaram que o compartimento de carga do veículo estava repleto de caixas de verdura vazias. Ao perguntar ao motorista sobre os detalhes da viagem e solicitar os documentos obrigatórios para fiscalização, este informou que fora contratado para buscar castanhas em Feira de Santana e que, em seguida, retornaria para seu local de origem, a cidade paranaense de Paranavaí. Diante da situação, os agentes federais realizaram uma busca minuciosa no caminhão e no compartimento de carga, para melhor averiguação dos fatos, quando flagraram 160 pacotes de substância análoga à maconha escondidos abaixo das caixas vazias. A quantidade de droga, posteriormente pesada, chegou a 3.250 quilos. Ao ser questionado sobre a maconha encontrada, o homem, de 39 anos, revelou que havia sido contratado para levar o caminhão até o município baiano de Feira de Santana que, ao retornar para a sua cidade, receberia o valor correspondente a 30 mil reais. Diante do flagrante, os policiais deram voz de prisão ao condutor. O condutor, o caminhão, a quantia de 364 reais em espécie, 03 aparelhos celulares da marca Samsung, uma sacola de cor preta com roupas de uso pessoal e as 3,2 toneladas de maconha apreendidas foram encaminhadas, com o apoio da Polícia Militar – CIPE Central, para a Polícia Civil local. Com essa apreensão, a Polícia Rodoviária Federal se aproxima da marca de 15 toneladas de apreensão, considerando apenas a droga do tipo maconha, na Bahia neste ano de 2019.

  • Jovem caetiteense tem perna amputada após acidente na BR-030 em Guanambi

    Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp
    11/11/2019 - 08:30


    Os ocupantes do outro veículo não tiveram ferimentos. 

    Durante trajeto na BR-030, nas imediações do Trevo de Morrinhos, em Guanambi, na manhã do último sábado (09), Emerson Junior Fernandes de Jesus Santos, de 21 anos, ficou gravemente ferido após colidir a motocicleta que conduzia contra uma caminhonete Fiat Toro que seguia para Guarulhos, em São Paulo. De acordo com informações obtidas pelo Sudoeste Bahia, quando ultrapassava um caminhão o jovem acabou colidindo a motocicleta contra a lateral da caminhonete que seguia no sentido contrário. Emerson sofreu fratura exposta em uma das pernas e escoriações pelo corpo. Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e encaminhado ao Hospital Regional de Guanambi (HRG), onde passou por procedimento cirúrgico e teve a perna esquerda amputada. Seu atual estado de saúde é considerado estável. Os ocupantes do outro veículo não tiveram ferimentos. O acidente é apurado pela polícia.

  • Tanhaçu: Homem morre após colisão entre carro e ônibus na BA-142; ônibus transportava estudantes para o Enem

    Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp
    11/11/2019 - 07:00


    A colisão entre um ônibus escolar e um automóvel neste domingo (10), na BA-142, trecho entre os municípios de Tanhaçu e Ituaçu, resultou na morte do motorista do carro, identificado como “Cal Torres”. De acordo com informações obtidas pelo Sudoeste Bahia, ele conduzia um Fiat Siena, quando perdeu o controle da direção e acabou colidindo contra um ônibus do transporte escolar de Tanhaçu, o qual transportava alunos para fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), na cidade de Barra da Estiva. Com o impacto Cal Torres ficou preso às ferragens, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito ainda no local. Alguns ocupantes do ônibus tiveram ferimentos leves e receberam atendimento médico. 

    Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp
    Foto: Leitor Sudoeste Bahia | Via WhatsApp

    A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) foi acionada e registrou a ocorrência no local. Equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Brumado realizou o levantamento cadavérico e removeu o corpo para o Instituto Médico Legal (IML). A Polícia Civil investiga a causa do acidente. Em nota enviada à redação do SB, “a Prefeitura Municipal de Tanhaçu lamenta o acidente ocorrido na manhã deste domingo (10), entre um ônibus da Prefeitura Municipal de Tanhaçu que fazia o transporte de alunos para a realização da prova do Enem em Barra da Estiva com um carro de passeio da cidade de Tanhaçu. O acidente aconteceu na BA-142, trecho entre os municípios de Tanhaçu e Ituaçu em que vitimou o jovem tanhaçuense, Cal Torres. Cal Torres,é filho de Edluzia Mendes, funcionária pública do município. Nesse momento de dor e profunda tristeza nos solidarizamos com os familiares e amigos da vítima e externamos nossos mais profundos sentimentos. Que Jesus conforte os corações dilacerados! Também lamentamos esse triste episódio e estendemos os nossos sentimentos aos jovens estudantes e demais pessoas que encontravam-se no ônibus. Alguns alunos tiveram escoriações leves, foram encaminhados para o hospital e passam bem”.