• Caetité: prefeitura abre edital para gestão e operação da Zona Azul

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Por Willian Silva

    23/01/2018 - 15:38

    No município existem hoje cerca de 15 mil veículos

    A prefeitura de Caetité publicou na última quarta-feira (17) edital para contratação de empresa que irá operar e administrar o sistema de Zona Azul, que objetiva fazer com que as vagas para estacionamento em locais predeterminados pelo Executivo municipal sejam rotativos e pagos. O recebimento das propostas, bem como o anúncio da empresa vencedora, será no dia 5 de março, as 08h30, no Centro Administrativo Municipal. A Zona Azul no município está inoperante há quase três anos. O prefeito Aldo Gondim, encaminhou, em Junho de 2017, um projeto de lei para a Câmara de Caetité, visando a autorização e posterior abertura de processo licitatório para que a Lei da Zona Azul volte a funcionar no município. Inclusive o prefeito pediu urgência na votação do projeto, pois a situação do trânsito, em especial o estacionamento, precisam ser resolvidos com brevidade. O valor a ser cobrado do usuário ainda não foi definido. Nos antigos moldes da Zona Azul no município, o valor cobrado era de R$ 1 por hora. Esse valor era revertido para os estudantes que colaboravam com a cobrança do estacionamento. 

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia

    Em Guanambi, por exemplo, é cobrado o valor de R$ 2 por hora por uma empresa privada. Já em Vitória da Conquista, o usuário do sistema que for flagrado sem o ticket, tem o carro multado e guinchado. Tudo isso com respaldo em lei aprovada pela Câmara daquele município. O que levou a prefeitura de Caetité a tomar essa decisão drástica, foram as constantes reclamações da população que não encontra vagas de estacionamento nas Avenidas Santana e Dr. Woquiton Fenrnades Teixeira. Existem hoje, licenciados em Caetité, cerca de 15 mil veículos. A venda de carros comerciais leves, caminhões e ônibus novos cresceu, no Brasil, 24,5% em setembro, na comparação com o mesmo mês de 2016, informou a federação dos distribuidores, a Fenabrave, o que corresponde a cerca de 200 mil novos carros emplacados só no mês de setembro de 2017. Entre Setembro de 2016 e Setembro de 2017, foram vendidos cerca de 2 milhões de novos carros no Brasil. 

    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia
    Foto: Marcos Oliveira | Sudoeste Bahia

    Para o chefe do Departamento de Trânsito de Caetité, Genildo Góes, passar a Zona Azul para a gestão privada se faz necessária. Para ele: “é notório o aumento de veículos em nossa cidade, e há um bom tempo vínhamos observando isso. As pessoas que trabalham nos locais de maior movimento e que deixam os seus carros na Zona Azul, se esquecem que outras pessoas precisam das vagas para ir ao banco ou realizar um pagamento no comércio. Estas muitas vezes deixam de ir por não encontrar estacionamento, pois muitos estacionam de qualquer jeito. Agora terão que pagar pelo tempo que estiver ocupando a vaga.” frisa. Outra questão abordada, foi sobre os carros que, além de velhos, servem como estabelecimento comercial na Praça do Mercado. “a empresa que ganhar, infelizmente irá retirar esses veículos do local. Além de não funcionarem a sua parte mecânica, servem ainda como local para disseminação de insetos, principalmente o mosquito da dengue, pois ficam ali, expostos ao sol e chuva” pontua. Góes ainda informou que a empresa atuará com base no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), no edital e no projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal. “A empresa vencedora está totalmente amparada no CTB e nas leis de trânsito que regem o município afim de coibir qualquer excesso. A volta da Zona Azul ao município fará com que todos possam usufruir das vagas disponibilizadas, o que gera mais conforto e tranquilidade a quem precisa ir ao centro da cidade” finaliza. 

MAIS NOTÍCIAS