• Caetité: Município decreta estado de emergência devido ao longo período de estiagem

    Foto: Reprodução
    Foto: Reprodução
    Por Marcos Oliveira

    19/10/2017 - 09:00

    O prefeito de Caetité, Aldo Gondim (PSB), decretou na última terça-feira (17/10), situação de emergência no município. Segundo a prefeitura, a medida visa minimizar os estragos causados pela falta de chuvas e possibilitar ao município buscar apoio junto aos Governos estadual e federal. O decreto tem validade de 180 dias e autoriza as Secretarias Municipais a adotarem as ações e medidas urgentes necessárias para o atendimento das famílias afetadas até o retorno da normalidade. “Considerando os fatores anormais e adversos decorrentes da longa estiagem e interrupção do período chuvoso no curso produtivo que atingiu as atividades econômicas e a população de Caetité e ainda que a seca atingiu não somente as glebas rurais, bem como todo o município, haja vista que este não dispõe de reservas hídricas,  que os açudes, cacimbas, barragens e demais reservatórios localizados na zona rural  ficaram praticamente sem água, gerando grande sofrimento para a população rural, além de comprometer a própria sobrevivência e considerando, ainda, que a Defesa Civil compreende o conjunto de medidas preventivas, socorro, assistência e recuperação, destinadas tanto a evitar as consequências danosas de eventos imprevisíveis, quanto a preservar o moral da população e restabelecer o bem estar social, quando da ocorrência desses eventos, a Administração Municipal  decreta situação anormal provocada pela estiagem e esta situação de anormalidade é válida em todas as áreas do município comprovadamente afetadas pelos desastres”, diz o decreto. 

MAIS NOTÍCIAS